A coluna Escalando a Muralha desta semana traz um pouco da história de Kwame Ayew, 46, ex-jogador de naturalidade ganesa. De antemão, o atleta fez história com a camisa de sua seleção ao conquistar a medalha de bronze no futebol das Olimpíadas de Barcelona (ESP), em 1992, em que foi vice-artilheiro. Além disso, Ayew trilhou carreira no futebol chinês, português, turco, costa-marfinense e árabe.

Peça importante para a conquista do bronze do futebol de Gana, Ayew marcou seis gols, com destaque para o hat-trick no 4 x 2 sobre a seleção paraguaia (veja o vídeo). Na ocasião, Gana só foi parada pela seleção espanhola, que ficaria com o ouro daquela edição. Na disputa pelo 3º lugar, os africanos bateram a Austrália por 1 x 0. Apesar de ter jogado bastante tempo pelo futebol português, o centroavante ainda passou rapidamente pelo futebol chinês.

Kwame Ayew no futebol chinês

O atacante jogou profissionalmente de 1990 até 2008, quando se aposentou pelo Vitória Futebol Clube, de Portugal. Durante a passagem na China, Ayew atuou pelo Guanghzou R&F em 2003, onde sequer entrou em campo. Por fim, o penúltimo clube na carreira do jogador foi o Beijing Renhe, em 2007, onde ele fez apenas um jogo, segundo o Tranfermarkt. Confira lista com os 10 melhores jogadores africanos que atuaram no futebol chinês.

Foto destaque: Reprodução/Facebook

Avatar
Jean Sfakianakis
Jean Sfakianakis é jornalista formado pela Fiam e pós-graduado em Jornalismo Esportivo e Multimídia na Universidade Anhembi Morumbi. É colaborador sênior do blog Torcedores.com, Gandula FC e Futebol na Veia. Durante a jornada acadêmica, estagiou na Agência Lúcia Furlan e no Jornal Metrô News, atuando na versão web do veículo. Lá, cobriu o jonalismo hard news voltado ao sistema de leituras do Google e de assuntos que rendiam audiência, cobriu a Copa da Rússia e as eleições preidenciais de 2018. Em maio de 2019, começou a trabalhar na Agência Talentmix, empresa responsável pela imagem de grandes talentos do entretenimento, tais como Gretchen, Ronnie Von e Daniel Boaventura. Até maio de 2020 foi redator da U5 Marketing.

Artigos Relacionados