Kathellen Sousa não faz mais parte do Bordeaux

A princípio, na manhã desta segunda-feira (22), a zagueira brasileira Kathellen Sousa, 24, foi oficialmente desligada do Girondins de Bordeaux. Assim também, foram dispensadas: as atacantes francesas Viviane Asseyi, Mylaine Tarrieu e Emelyne Laurent. A goleira da Nova Zelândia, Erin Nayler, e a atacante suíça Camille Surdez também deram adeus ao clube.

Entretanto, o clube francês também anunciou novas integrantes ao plantel. Com o contrato assinado até 2023, a meia Julie Dufour, 19, chega do Lille. Logo, o time também formalizará a contratação de Eve Perisset, 25. “Bordeaux ofereceu a ela um ótimo projeto, onde fará parte da equipe, ela disse que era bingo!” confirma um membro de sua comitiva.

CARREIRA

Oriunda da cidade praiana de Santos (SP), Kathellen saiu logo cedo do Brasil para tentar uma carreira no futebol feminino lá fora. Chegou aos Estados Unidos em 2014, e começou a jogar em campeonatos universitários. Iniciou no Monroe Mustangs, e também teve passagem no Louisvelle Cardinals e pelo UFC Knights.

Assim, chegou em janeiro de 2018 à Gironda (França) para vestir a camisa do Bordeaux. A atleta participou de apenas seis jogos na temporada atual, disputando a 1ª Divisão do Futebol Feminino da França. O time dirigido por Paulo Sousa, um ex-futebolista português, se mantém até então na 3ª posição da tabela, atrás do Lyon e do PSG. Quanto ao destino da santista, que também já vestiu a amarelinha, é desconhecido e imprevisível.

Foto Destaque: Divulgação/Instagram

Giovanna Monteiro
Cursando o 4º semestre de Jornalismo na Universidade Anhembi Morumbi, apaixonada por esportes desde os 7 anos e hoje com a cabeça e o coração encaminhados ao Jornalismo Esportivo.

Artigos Relacionados