Atual vice-campeão da Copa Libertadores da América, o Boca Juniors abre nesta terça-feira (5), sua campanha na edição 2019 do torneio continental. Assim, terá como rival o Jorge Wilstermann, da Bolívia. A partida será realizada no estádio Félix Capriles, em Cochabamba, a quase 2,6 mil metros acima do nível do mar. O pontapé inicial está marcado para 21h30 (horário de Brasília). O encontro é parte da programação do grupo G, que tem ainda Athletico Paranaense e Deportes Tolima.

JORGE WILSTERMANN

Esta será a terceira partida seguida que o Jorge Wilstermann fará em seu estádio. As duas anteriores foram pelo Campeonato Boliviano e os resultados foram muito abaixo do esperado. Como resultado, o time conseguiu somente um ponto no empate com o Destroyers, por 3 x 3, na quarta-feira, 27 de fevereiro. Antes, contra o Guabira, que está na disputa da Copa Sul-Americana, havia sido batido por 2 x 0.

Com 14 pontos (quatro vitórias, dois empates e quatro derrotas), ocupa a 5ª colocação na tabela de classificação da Divisão Profissional, o Campeonato Boliviano. Além disso, está oito pontos atrás do Nacional Potosi, líder do Torneio Apertura. Seu desempenho como mandante, no entanto, é bastante inferior. Digno de nota, quando são levados em consideração apenas os resultados dos 14 participantes do torneio em seus domínios, o Jorge Wilstermann aparece na 10ª colocação do ranking. Assim, dos 18 pontos disputados em eu estádio, ganhou sete (duas vitórias, um empate e três derrotas) tendo assinalado dez gols e sofrido nove.

BOCA JUNIORS 

O Boca Juniors teve sua partida pela 21ª rodada do Campeonato Argentino antecipada para sexta-feira (1), visando ganhar mais algumas horas na preparação para sua estreia na Libertadores. Assim, a mudança saiu melhor que a encomenda. Como visitante, o time derrotou o Union Santa Fé por 3 x 1 e praticamente conquistou uma rede de segurança antes mesmo de a bola rolar no torneio.

Com 41 pontos (12 vitórias, cinco derrotas e quatro empates), abriu vantagem de cinco pontos em relação ao River Plate, 4º colocado. Isso lhe concederia o direito de disputar a versão 2020 da Copa Libertadores através da Superliga Argentina. Como visitante, o time tem mantido o mesmo padrão de desempenho. É o 3º melhor nesse quesito no torneio. Dos 33 pontos que disputou, faturou 19 (cinco vitórias, quatro empates e duas derrotas) tendo assinalado 15 gols e sofrido nove.

Depois de trocar de técnico no começo do ano, o time realizou oito jogos oficiais sob a direção de Gustavo Alfaro. O novo comandante conseguiu um bom desempenho. Venceu cinco vezes, empatou duas partidas e só sofreu uma derrota. Ele tem duas prováveis baixas por problemas de contusão para o encontro desta terça-feira. Estão aos cuidados do departamento médico o defensor Paolo Goltz e o meio campista Cristian Pavon.

https://twitter.com/BocaJrsOficial/status/1102984010983264268

RETROSPECTO

Este será o primeiro duelo entre as equipes.

Alexsander Vieira
https://bit.ly/3nAiB4l

Artigos Relacionados