Na tarde do último domingo (07), em confronto válido pela 34ª rodada da Série B, o Botafogo venceu a equipe do Vasco da Gama por 4 a 0 e assumiu a liderança da competição. Segundo dados matemáticos da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), após este triunfo o Fogão atingiu 99.97% de probabilidade de conquistar o acesso para a elite do futebol brasileiro

Desde o início da temporada no Rio de Janeiro e com 17 partidas disputadas pelo alvinegro, Jonathan revelou a união do grupo no Campeonato Brasileiro.

O clube está vivendo um momento especial, claro que ainda temos quatro jogos pela frente para disputar, mas nosso objetivo principal ficou ainda mais perto. A equipe encaixou de uma maneira brilhante. O envolvimento de todos acho que está sendo o mais importante, quem joga ou quem não joga, todos unidos por um único objetivo. Já tive três acessos e o ponto principal não foi o individual e sempre o coletivo, nossa equipe está muito bem neste quesito, um grupo fechado, que se ajuda, que se entrega e busca fazer o que precisa ser feito”, comentou.

O Botafogo possui quatro últimos adversários no Brasileiro, são eles: Ponte Preta (Fora), Operário (Casa), Brasil de Pelotas (Fora) e Guarani (Casa). De acordo com o lateral-direito, é uma sequência difícil e de muita importância.

Enquanto não decretar o acesso, decretar que o Botafogo subiu, temos que trabalhar focados e da mesma maneira que foi feito até o momento. Manter o foco até decretar este objetivo, estamos bem perto, mas temos jogos difíceis pela frente, contra equipes que brigam para subir ou não ser rebaixadas. Então isso se transforma em uma dificuldade maior, precisamos entrar ligados e focados, porque ainda temos quatro finais pela frente”, finalizou.

A próxima partida do Glorioso acontecerá na próxima quinta-feira (11), contra a Ponte Preta, às 19 horas, no Estádio Moisés Lucarelli.

Foto: Vitor Silva / Botafogo

Redação FNV