João Brigatti é o novo técnico do Sampaio Corrêa (Foto: Divulgação/Sampaio Corrêa)

Pela manhã deste sábado (30), o presidente Sérgio Frota anunciou o retorno de João Brigatti ao comando do Sampaio. O técnico, que conquistou o acesso para a Série B dirigindo o Tubarão, substitui Felipe Surian, demitido na noite desta sexta-feira (29).

Quem é João Brigatti?

João Dermival Brigatti foi, como atleta, goleiro de clubes como Ponte Preta, Santa Cruz, Remo, Ferroviária de Araraquara e Rio Branco de Americana. Além disso, como treinador, começou sendo técnico interino da Ponte, em 2018, e seguiu carreira em várias equipes, como por exemplo Santa Cruz, Oeste, Paysandu e no próprio Sampaio Corrêa, onde conquistou acesso para a Série B, em 2019, sendo vice da Série C para o Náutico.

Brigatti assume o lugar de Surian

Em primeiro lugar, o novo comandante terá a missão de ajudar o Sampaio a terminar a Série B na melhor colocação possível. Atualmente, a Bolívia Querida ocupa a 13ª posição, com 40 pontos. No entanto, o clube já viveu dias melhores na temporada, mirando inclusive acesso para a Série A, mas nos últimos jogos acumulou várias partidas sem vencer.

Dessa forma, a última linha de Felipe Surian foi escrita diante do Guarani, com derrota por 1 x 0, em gol marcado de pênalti por Bidu, o que fez a equipe cair três posições na tabela. Portanto, mostra-se a dificuldade do Sampaio em conquistar pontos em casa nas últimas rodadas, vencendo apenas o Vasco nas últimas seis partidas com o seu mando.

Luis Gustavo também saiu

Além disso, junto com a chegada de Brigatti, em comum acordo, Sampaio e Luis Gustavo rescindiram contrato e o atleta não faz mais parte do plantel. A princípio, tudo indica para o principal motivo da rescisão sejam as duas expulsões do lateral em partidas recentes, contra Vasco e Guarani. Com isso, acabou desgastando a relação com o clube e com a torcida tricolor.

A estreia de João Brigatti

Nesta quinta-feira (4), o Sampaio terá compromisso em Maceió, diante do CRB, pela 33ª rodada da Série B. Dessa forma, a partida deve marcar a estreia de João Brigatti à frente do comando da Bolívia Querida.

Foto destaque: Divulgação/Sampaio Corrêa

Payciúma Luiz