Japão x Omã

Na manhã desta quinta-feira (2), o Japão foi surpreendido e acabou sendo derrotado por Omã na estreia da 3ª fase das Eliminatórias Asiáticas para a Copa do Mundo de 2022. Em suma, o único gol do duelo aconteceu já nos minutos finais e saiu dos pés de Al Sabhi. Desse modo, o país visitante assumiu a liderança momentânea do grupo B.

ASSISTA AOS MELHORES MOMENTOS DE JAPÃO X OMÃ

1° TEMPO: POUCAS CHANCES DE GOL

Os primeiros 45 minutos em Suita foram de muita chuva e poucas chances reais de gol. Assim, mais com a bola como o esperado, o Japão até tentou chegar ao campo de ataque, mas pouco conseguiu fazer. Quando teve a oportunidade de chutar, Al-Rushaidi trabalhou bem e evitou que o placar fosse aberto. Por sua vez, a seleção de Omã não ficou somente na defensiva e também tentou algumas chegadas. Na melhor delas Al-Alawi chutou para a defesa de Gonda. Desse modo, o duelo ficou no 0 x 0 na ida para o intervalo.

2° TEMPO: AL-SABHI VIRA HERÓI

Logo na volta do intervalo, Omã teve um pênalti marcado a seu favor após a arbitragem interpretar um toque no braço da defesa. Contudo, após análise no VAR, o juiz reverteu a marcação. Sendo assim, o Japão voltou a dominar a posse e assustou pouco depois em cabeceio de Nagatomo, que apareceu de surpresa na área adversária. Em resposta, a seleção visitante chegou com Al-Busaidi, que invadiu o campo ofensivo e, mesmo sem ângulo, chutou forte. A bola explodiu no rosto do goleiro Gonda.

Com o final da partida se aproximando, o Japão chegou com perigo em chute de fora da área. Contudo, Al-Rushaidi se esticou todo e desviou a finalização. Por sua vez, não houve nada que Gonda pudesse fazer na única chegada de Omã na reta final. Al Yahyei recebeu pela direita e cruzou. Al Sabhi, que havia acabado de entrar, desviou e colocou a bola no canto direito da meta japonesa, sem chances. Desse modo, o placar se encerrou em 1 x 0.

JAPÃO X OMÃ – E AGORA?

Com a vitória fora de casa, Omã assumiu a liderança provisória do Grupo B e, logo de cara, conseguiu um resultado importante para a sequência da competição. Por outro lado, o Japão agora precisa remar para recuperar o prejuízo. Para isso, os japoneses visitam a China na próxima terça-feira (7), às 12h (horário de Brasília). Em contrapartida, a seleção vencedora recebe a Arábia Saudita no mesmo dia, uma hora mais tarde.

Foto Destaque: Divulgação/Omã

Renan Liskai
Muito prazer! Sou Renan Liskai, paulista, natural de Santo André. Desde 1998 falando, respirando, sorrindo, chorando e enlouquecendo por futebol. A vida de goleiro não deu certo, mas o jornalismo sempre esteve ali. Descobri que se não podia estar dentro de campo ou das quadras, eu poderia estar do lado de fora, mas sempre vivendo tudo isso. Sou daqueles que não perde um jogo de futebol por nada, seja ele qual for. Costumo dizer que esse esporte é assunto mundial e que não há uma pessoa no mundo que nunca tenha falado sobre tudo que acontece dentro e além das quatro linhas. Assim como todo mundo, carrego uma história e experiências. Sou filho, irmão, neto, amigo e sempre serei um eterno aprendiz dessa vida.