Já regularizado, zagueiro Zé Vitor é apresentado no Bahia

O zagueiro Zé Vitor, de 21 anos, foi apresentado oficialmente na tarde desta quarta-feira (20), no CT Evaristo de Macedo. chegou ao Bahia em definitivo, após poucas oportunidades no América-MG. O tricolor faz a sua terceira partida na Série B, na sexta-feira (22), às 19h (horário de Brasília), contra o CSA, no Rei Pelé, em Alagoas. Dessa forma, foi perguntado por suas características de jogo, aonde se adequa mais em campo.

Características de jogo

“Primeiramente muito obrigado. Minhas características de jogo são, jogada apoiada, sair de lá de trás achando um passe por dentro, força, agilidade e o confronto aéreo”.

Briga por posição

Atualmente no elenco tricolor, consta seis defensores: Luis Otávio, Ignácio, (Gustavo Henrique (Emprestado), Henrique, Gabriel Xavier e Zé Vitor. Assim, foi perguntado sobre brigar por posição. De que maneira o mesmo vai fazer, para conquistar a titularidade com Guto Ferreira. Ao passo que, todo atleta que chega em um clube, quer começar jogando de primeira.

“Vou trabalhar. Me doar o máximo, sem passar por cima de ninguém para buscar meu espaço e procurar dar muito triunfo e alegria para torcida do Bahia”.

Contar com o zagueiro próximo jogo

Bem como dito anteriormente, Zé Vitor não teve muito espaço atuando no clube mineiro. Desse modo, fez apenas três partidas na temporada. Caso Guto Ferreira necessite, foi perguntado se ele está apto para atuar na partida desta sexta-feira (22).

“Eu estou pronto. Venho trabalhando desde o início do ano, na pré temporada. Comecei em outro clube. Graças a Deus tive a oportunidade de vir para o Bahia. E estou bem fisicamente”.

O que viu?

Assim sendo, o jovem estava vendo todos os jogos. Inclusive, na Arena Fonte Nova na última terça-feira (19). Onde contra o Azuriz-PR, o time acabou empatando em 0 x 0. Nesse sentido, perguntaram se o mesmo gostou do que viu. Se tem time para brigar.

“É um time organizado. Muito bem detalhado pelo professor. Creio que a gente vai buscar coisas grandes, dentro do campeonato. Sobre o empate de ontem, tivemos as melhores chances, mas infelizmente foi um daqueles dias que a bola não entra.”

 

 

Foto Destaque: Rafael Machado/ EC Bahia

 

 

 

 

Caio Santos
Jornalista Esportivo, 23 anos, apaixonado por esportes. Na minha carreira, almejo ser comentarista de futebol e o meu maior sonho é cobrir uma Copa do Mundo.