Já era esperado

Na tarde desta sexta-feira, 17, o Vasco da Gama anunciou a demissão de Cristóvão Borges do comando cruzmaltino. O estopim para a decisão tomada por Eurico Miranda foi a eliminação do time na Copa do Brasil, frente ao Vitória da Bahia.

Cristóvão nunca foi unanimidade entre os torcedores e a imprensa carioca e isso, querendo ou não, deixa o treinador inseguro e desconfortável para gerir seus comandados. Talvez seja por isso que o time da colina não tenha uma “cara”, uma “identidade”. O Vasco, com Cristóvão, que fez todas suas partidas apenas em 2017, teve: sete vitórias, dois empates e cinco derrotas. Ou seja, 55% de aproveitamento. Isso tudo contando com o a Florida Cup, além do Cariocão e da Copa do Brasil.

Em confrontos contra times da Série A do Brasileirão o retrospecto não é bom, pois o cruzmaltino não venceu nenhum jogo, perdeu quatro e empatou um. Confira:

Florida CupVASCO1 x 4Corinthians
EstadualVASCO0 x 3Fluminense
EstadualFlamengo1 x 0VASCO
Copa do Brasil
VASCO1 x 1Vitória
Copa do BrasilVitória1 x 0VASCO

 

A primeira passagem do treinador pelo Vasco foi a melhor de sua carreira, com 60,3% de aproveitamento, assim, levando o cruzmaltino às semis da Copa Sul-Americana e ao vice-campeonato brasileiro de 2011.

PosEquipeJVITEMPDERGPGCSGPTS
38218953361771
381912757401769

Agora começam as especulações para ver quem será o novo treinador vascaíno. Já aparecem três fortes nomes no mercado: Rogério Micale, ex-técnico das categorias de base da seleção brasileira; Milton Mendes, ex-Atlético-PR e Santa Cruz e Vanderlei Luxemburgo, que estava treinando um clube chinês. Com essa campanha fraca do Vasco em 2017, o futuro novo treinador terá grandes dores de cabeça para remontar o time ainda para esse ano.

Veja a nota oficial:

“A direção do Club de Regatas Vasco da Gama comunica a saída do treinador Cristóvão Borges a partir desta sexta-feira (17/03). O Vasco agradece os serviços prestados pelo profissional, que sempre trabalhou com dedicação.

Eurico Miranda

Presidente”

BetWarrior


Poliesportiva


Leonardo José
Leonardo José
Sou o Leonardo José, jovem alagoano, estudante de jornalismo e esquerdista, sim. O esporte, a filosofia e a sociologia correm em minhas veias simultaneamente. Louco pelo futebol latino. Prefiro Libertadores à Champions League. No Brasil, clássicos como CSA x CRB, Sampaio Corrêa x Moto Club e ABC x América-RN são bem mais emocionantes que Flamengo x Vasco, Cruzeiro x Atlético-MG e Corinthians x Palmeiras. Para você, leitor, não se cansar lendo minha biografia, finalizo dizendo que "todos os detalhes e os bastidores da vida precisam ser olhados com atenção".Twitter: @leo_silva997

Artigos Relacionados

Topo