Ivan se destaca e garante empate da Ponte no Brasileirão

- O goleiro fez três defesas difíceis no empate com o Operário, mas Ponte cai para 3º na tabela

A Ponte Preta enfrentou o Operário, no Estádio Moisés Lucarelli, neste sábado (19) às 19h (horário de Brasília), pelo Campeonato Brasileiro Série B. Com belas defesas, o goleiro Ivan segurou a pressão do time paranaense, que teve grandes chances para vencer a partida. Mas, também, houve erro da arbitragem ao não assinalar pênalti ao time mandante, no 2º tempo. Assim, o jogo acabou 1×1.

1º TEMPO

Os visitantes começaram melhor, tinham mais presença no campo de ataque, porém sem muito perigo à defesa dos mandantes. Mas foi a Macaca que abriu o placar com um belíssimo gol de Apodi , com 22 minutos do 1º tempo, que cortou para a direita e bateu sem condições de defesa do goleiro, Thiago Braga. No entanto, após abrir o placar, a Ponte Preta teve uma grande chance aos 23, onde Luan Dias bate e passa ao lado do gol do Operário. Com 26 minutos no placar, João Paulo cobra falta e Matheus Peixoto cabeceia firme exigindo defesa do goleiro do Fantasma.

Após o grande momento do time mandante, Bruno Rodrigues, recebeu cruzamento de Apodi, teve mais uma grande chance com um cabeceio forte, porém em cima de Thiago Braga. Nos 45 minutos, o Operário chega ao gol de Ivan, a falta cobrada por Tomas fez o goleiro fazer uma grande defesa.

2º TEMPO

O time visitante começou muito bem a 2ª etapa, onde colocou duas bolas no travessão do goleiro Ivan. Na 1ª bola na trave, o goleiro fez uma grande defesa de falta, portanto garantiu que o Fantasma não fizesse seu gol. Mas aos 20 minutos, o defensor Wellington Carvalho cortou para trás e pegou seu goleiro desprevenido. Porém, a bola bateu em sua trave maior e foi para a linha de fundo.

Um minuto após, Tomas Bastos aproveiou a sobra da defesa da Ponte Preta, que se atrapalhou, e marcou para o time do Operário. Entretanto, o Fantasma pressionou o time de Campinas, gerando perigo ao time mandante. Aos '26', o ex atacante da Macaca, Roger, que defende o time alvinegro paranaense atualmente, ficou cara a cara com o goleiro Ivan, que fechou o ângulo e fez uma importante defesa. Porém, um minuto depois, a Ponte sofre pênalti, mas não foi marcado pelo árbitro, Alisson Furtado. Sem muitos chutes no final, os jogadores que eram substituídos foram saindo extremamente cansados, como por exemplo, Apodi, que ao saber que seria substituído esperou na frente do 4º árbitro, pois necessitava de água e descanso.

E AGORA?

Com o empate, a Ponte Preta cai para a 3ª colocação do campeonato, na qual fica até a próxima rodada, porém desperdiça a oportunidade de ultrapassar o líder, Paraná, e vê o Cuiabá ultrapassá-lo. Já o Operário, permanece na 6ª posição, no entanto, perde a chance de ingressar no G4. O Fantasma enfrenta o Cuiabá, no Estádio Germano Kruger, na terça-feira (22) às 20h (horário de Brasília) e a Macaca joga novamente no Estádio Moisés Lucarelli, contra o Confiança, no domingo (27) às 20:30 (horário de Brasília). O time paulista fica com 18 pontos na tabela e a equipe paranaense com 16. No entanto, ambas partidas serão validadas pela 11ª rodada do campeonato.

MELHORES MOMENTOS

Foto Destaque: Divulgação/Álvaro Júnior/Ponte Preta

Gabriel Yudi Gati Isii

Sobre Gabriel Yudi Gati Isii

Gabriel Yudi Gati Isii já escreveu 52 posts nesse site..

Escolhi jornalismo porque tenho paixão pelo futebol. Faço faculdade na PUC-SP e já estudei na Etec Albert Einstein. Meu sonho é viver do esporte que admiro.

BetWarrior


Poliesportiva


Gabriel Yudi Gati Isii
Gabriel Yudi Gati Isii
Escolhi jornalismo porque tenho paixão pelo futebol. Faço faculdade na PUC-SP e já estudei na Etec Albert Einstein. Meu sonho é viver do esporte que admiro.

Artigos Relacionados

Topo