E o futebol segue a todo vapor. Dessa maneira, pela estreia do Campeonato Paraense de 2021, o Itupiranga FC enfrenta o Paragominas FC. O duelo acontece nesta segunda-feira (1), às 16h (de Brasília). O cenário da partida é o estádio Municipal Zinho de Oliveira, na cidade de Marabá (PA). Todos estão com grandes expectativas, inclusive o jovem Lucas Souza.

Para Lucas Souza, um dos reforços do Itupiranga FC para esta competição, a meta é fazer uma boa partida. Além disso, o foco é em iniciar o campeonato positivamente. “A expectativa é de um jogo muito bom, estou ansioso para essa estreia e espero que possamos iniciar a competição com uma vitória”, comentou o meio-campista, que tem poucas informações do adversário.

Sendo assim, o jogador comentou que, por conta da pandemia e as competições paralisadas, não pôde conhecer muito sobre o estilo do Paragominas. “Não sei muita coisa do Paragominas FC, pois as competições estavam paralisadas e estão retornando agora”, concluiu Lucas.

Aos 17 anos, Lucas Alessandro Barbosa De Souza tem 1,72 metros de altura e pesa 68kg. Ele se destacou na Desportiva Paraense, equipe conhecida por lançar jogadores. Assim, pelo time de Marituba, o meia disputou competições estaduais, Copinha e a Copa do Brasil Sub-17.

O CAMPEONATO

Na primeira fase do Campeonato Paraense 2021, o SC Itupiranga está no Grupo A, ao lado do Paysandu SC, Gavião Kyikatejê FC e Bragantino Clube do Pará. As demais chaves estão com Clube do Remo, Tapajós FC, Tuna Luso Brasileira e Carajás EC (Grupo B). Enquanto no Grupo C aparece Castanhal EC, Paragominas FC, Independente AC e Águia de Marabá FC.

De acordo com o regulamento, na primeira fase, as equipes de um determinado grupo enfrentam, em turno único, as agremiações das duas outras chaves. Ao final desta disputa, os dois melhores colocados de cada grupo, acrescido dos dois melhores terceiros colocados, avançam para as quartas de final.

Foto destaque: Divulgação/Tapajós

Lauren Berger
Lauren Berger
Lauren Berger, gaúcha e apaixonada por futebol. Cresci vendo grandes nomes do Brasil em campo e um sentimento especial cresceu em mim. Vi Ronaldinho Gaúcho, Fernandão, Cristiano Ronaldo, Iniesta e foi amor à primeira partida. Estudo na Universidade Luterana do Brasil-RS.

Deixe uma resposta