Após grandes carreiras como jogadores, os irmãos Inzaghi novamente estão se destacando no cenário do futebol. Dessa vez, ambos estão como treinadores e com grandes trabalhos até aqui na temporada. Primeiramente, Simone, ex-atacante da Lazio, elevou o patamar Biancoazzurri nos últimos anos e conquistou títulos na Itália pelo clube da capital. Ainda, briga por fora pelo título da Serie A TIM em 2019/20. Além disso, Filippo, ídolo do Milan, está fazendo um grande final de 2019, onde perdeu apenas um jogo na Serie B, a frente do Benevento. Dessa forma, tenta trazer o Stregoni novamente a elite do futebol italiano.

SIMONE INZAGHI

Após se aposentar em 2010, com a camisa Biancoazzurri, o ex-atacante da equipe começou a trabalhar dentro clube. Dessa forma, começou como treinador no time juvenil da Lazio, passando pelo Sub-17, Sub-19, até receber a oportunidade de comandar os profissionais em 2016. E a aposta do clube da capital em um dos irmãos Inzaghi deu muito certo, e trouxe muitos motivos para o torcedor voltar a sorrir no lado Celeste de Roma.

Leia Mais:

Papu Gómez vira cidadão honorário de Bérgamo

Cutrone de volta ao futebol italiano? Fiorentina tem interesse no atacante

Cristiano x Ibrahimovic: jornal italiano classifica o duelo como briga de “egos” na Itália

Assim, Simone Inzaghi comandou a Lazio há quase 4 anos. Ao longo desse período, esteve no banco de reservas em 172 oportunidades e tem o número impressionante de 91 vitórias. Além disso, são somados 31 empates e 48 derrotas pelos Biancocelestes. Ainda, colocou o time da capital em outro patamar do futebol italiano, com uma proposta de jogo interessante e ofensiva, passando muito pelo meia Luís Alberto e o atacante Ciro Immobile, e incomodando os gigantes do Calcio. Hoje, Simone tem uma Copa Itália no seu currículo e duas Supercopas do País, desbancando a Juventus. Enfim, a equipe é a 3ª colocada na Serie A TIM 2019/20, incomodando de longe a Juve e a Internazionale.

https://twitter.com/Laziale_Belgio/status/1208861621868740608?s=20

FILIPPO INZAGHI

Um dos maiores atacantes da história do Milan, Filippo Inzaghi se aposentou em 2012. Desde então, o processo para ser treinador se iniciou da mesma forma que a de seu irmão: no clube que se aposentou. Dessa forma, passou pelas categorias de base do Rossonero e teve a chance de comandar o profissional em 2014. Entretanto, durou apenas um ano no cargo, com 14 vitórias, 13 empates e 13 derrotas. Com isso, deixou a equipe ao final de 2015, e teve seu mercado valorizado nas divisões menores da Itália.

Sendo assim, comandou o Venezia em duas temporadas, entre 2016 e 2018. Teve uma história linda no clube, que havia falido, mas Inzaghi o trouxe de volta a Serie B, com o título da terceira divisão. O desempenho chamou a atenção de clubes da Serie A e o Bologna o contratou ano passado. Porém, da mesma forma no Milan, no Rossoblù também não foi bem e durou apenas seis meses no cargo. Entretanto, recebeu oportunidade na atua época pelo Benevento, e faz campanha histórica na Serie B, quebrando vários recordes. O Stregoni lidera com 46 pontos em 19 jogos, 12 a mais que o vice-líder Pordenone. Além disso, são 14 vitórias, quatro empates e apenas uma derrota.

RETROSPECTO DE CONFRONTOS DOS IRMÃOS INZAGHI

Em suas carreiras como técnico, os irmãos Inzaghi se enfrentaram apenas uma vez na história. Se como jogador, Filippo teve mais destaque, como treinador, Simone destoa do seu irmão. O único confronto entre eles foi na Serie A 2018/19, onde a Lazio bateu o Bologna fora de casa por 0 x 2.

Foto destaque: Reprodução/Giorgio Benvenuti /EFE

Avatar
Caíque Ribeiro
Olá, eu sou Caíque Ribeiro, tenho 20 anos e a paixão por esportes corre em minhas veias, sobretudo, o futebol. Um amante do futebol tanto brasileiro, quanto europeu e ainda sim, do alternativo. Tendo como maior jogador que vi jogar, Ronaldinho Gaúcho e grandes memórias futebolísticas. Estou cursando jornalismo pela Universidade Anhembi Morumbi. Quando criança,sonhava em ser jogador de futebol,mas a vida me planejou outros rumos. Desde então, decidi juntar duas paixões: a paixão por escrever e a paixão pela pelota, e seguir nessa jornada,sempre disposto a trazer a informação de forma correta e apurada ao público. Além de futebol, escrevo e sou comentarista sobre basquete na Rádio Poliesportiva. Instagram: @caiqueribero, Twitter: @CRSousa5

Artigos Relacionados