Imprensa

Na noite da última quarta-feira (13), o Santos goleou a equipe do Boca Juniors por 3 x 0. Amplamente melhor durante as duas partidas, a imprensa argentina “batizou” como “massacre”. Com isso, o paulista está na final da Copa Libertadores da América, contra o Palmeiras

IMPRENSA ARGENTINA

Antes de mais nada, os jornais argentinos repercutiram o atropelo do Santos sobre o Boca e o classificaram como “Massacre” e “Pior impossível”, dizia a manchete do Olé. Além disso, o Peixe dominou os Xeneizes nos dois confrontos. No entanto, na Vila Belmiro a equipe Santista conseguiu converter suas chances em gols, mesmo assim a vantagem poderia ter sido ainda maior. 

Imprensa
Foto: Reprodução

Antes de mais nada, para a imprensa Argentina, Fabra, foi o principal culpado pela derrota. Além disso, o lateral foi expulso aos 10 minutos do segundo tempo e recebeu a pior avaliação nos principais veículos argentinos. Portanto, Olé quanto TyC Sports deram nota 2 ao jogador colombiano. O Clarín definiu como “noite triste” do Boca.

Imprensa
Foto: Reprodução

SANTOS x BOCA

Nesta quarta-feira (13), o Santos enfrentou o Boca Juniors, na Vila Belmiro, e não deixou os argentinos sequer se assustarem no confronto. Assim, o Peixe deu trabalho à meta do Boca e anotou 3 x 0, se classificando para a final. Agora o time enfrenta o Palmeiras, dia 30, para definir o título.

Foto Destaque: Divulgação / Diário Olé

Alef Sousa
Sempre fui apaixonado por esportes, especialmente futebol. E vi através do jornalismo uma oportunidade de estar trabalhando com a minha Paixão. Estou no 3º Semestre da faculdade de Jornalismo. Meu grande Objetivo é torna-me repórter de campo e cobrir grandes competições. Sou um cara, extrovertido, animado, comunicativo e cheio de vontade de aprender.

Artigos Relacionados