Implacável! Cruz Azul define jogo no início e vence pela semifinal do Apertura Mexicano

- Em apenas 12 minutos, o Pumas já havia sofrido três gols
Cruz Azul x Pumas (Foto destaque: Divulgação/Cruz Azul)

Nesta madrugada de sexta (4), pelo jogo de ida da semifinal do Apertura Mexicano 2020, Cruz Azul e Pumas se encontraram no Estádio Azteca. Inicialmente, as equipes entraram em campo em ritmos completamente opostos e, assim, a Máquina Cementera definiu a partida antes dos 15′. A partir daí, a Universidad tentou diminuir o estrago, mas acabou tomando outro gol nos acréscimos do 2º tempo, deixando pouca esperança para o jogo da volta.

1º TEMPO

Logo aos 2′, a Máquina Azul abriu o marcador. Após Jonathan Rodríguez levantar na área, a bola voltou para Pineda, que cabeceou e encontrou Roberto Alvarado. O ala dominou no peito e finalizou, deixando os donos da casa em vantagem. Na sequência, o Cruz Azul roubou a bola no meio de campo e tentou chegar à área. No entanto, ela sobrou para Rafael Baca, que não pensou duas vezes antes de mandar um chutaço no gol de González.

Assim, em menos de dez minutos, o placar já marcava 2 x 0. Em choque, o Pumas perdeu a bola no lance seguinte e viu Pineda lançar Alvarado, que só deixou de cabeça para Luis Romo anotar o terceiro. Depois disso, os visitantes começaram a criar algumas chances, mas sem perigo para a meta de Corona. Pelo outro lado, os três gols do começo deram uma grande tranquilidade para o restante da partida.

2º TEMPO

No primeiro lance da etapa final, o Cruz Azul roubou a bola e Cabecita Rodríguez chutou cruzado, assustando o goleiro. Por sua vez, o Pumas atacou com Mayorga, que recebeu de Dinenno, fintou os marcadores e exigiu boa defesa de Corona. Pelo menos no início, o UNAM era um time bem diferente daquele do 1º tempo. Então, aos 19′, a equipe mandante chegou a marcar um gol, mas o juiz anulou por conta de um impedimento de Alvarado.

Depois, os visitantes pediram pênalti em um suposto desvio no braço de Aguilar, mas o juiz mandou seguir. Mais tarde, Iniestra levou perigo com um chute por cima do gol blanqui-azul. Com a defesa fechada e só esperando o momento certo para contra-atacar, o Cruz Azul aproveitou os espaços deixados para fazer o quarto gol com Luis Romo. O meia recebeu belo passe de Giménez e tirou do goleiro para fechar o jogo de ida.

https://twitter.com/CruzAzulCD/status/1334723886924050433

CRUZ AZUL X PUMAS – E AGORA?

Com a vitória, a Máquina Cementera construiu uma enorme vantagem para o jogo da volta, podendo perder até por três gols de diferença. Quanto ao Pumas, apenas um milagre no Estádio Olímpico Universitário os coloca na final. Porém, no futebol, coisas inimagináveis podem acontecer.

MELHORES MOMENTOS – CRUZ AZUL X PUMAS

Foto destaque: Divulgação/Cruz Azul

Rafael Sant'Ana
Rafael Sant'Ana
Escolhi o jornalismo porque sou apaixonado por informação e esportes desde sempre. Enquanto estudante, já escrevi textos sobre esportes americanos para alguns sites. Tenho o sonho de exercer a profissão no exterior. Dedicação e interesse por estudar são algumas de minhas marcas.

Artigos Relacionados

Topo