Na noite desta segunda-feira (22), Huracán e Unión empataram pelo Campeonato Argentino 2021. Em partida válida pela 2ª rodada do Grupo B da competição. Aliás, o confronto ocorreu no Estádio Adolfo Ducó. Em suma, o duelo que terminou em 1 x 1, marcou a disputa entre duas equipes que buscam melhores campanhas no torneio nacional deste ano.

1º TEMPO

A princípio, o jogo começou disputado. De tal forma que o time da casa buscava ter mais posse de bola. Enquanto os visitantes, jogavam de forma de fechada, esperando os contra-ataques. Porém, apesar de o Huracán ter o domínio da bola, foi o Unión quem finalizou mais. Assim, não demorou muito para os Tatengues abrirem o placar. Aos 21’, Martín Cañete cobrou falta com maestria e mandou a bola para as redes.

No entanto, o Globo reagiu logo em seguida. Após o zagueiro Galván tocar a mão na bola, com 25’, o árbitro marcou pênalti. Andrés Chávez bateu e empatou o duelo. Dessa forma, a partida continuou acirrada. Mas a etapa inicial terminou mesmo em 1 x 1.

2º TEMPO

Em síntese, a etapa complementar iniciou muito parecida com a primeira. Decerto, o Huracán, que jogava em casa, tinha o domínio da bola. Por outro lado, o empate fora era um bom resultado para o Unión. Mas, mesmo assim, o time do técnico Juan Manuel Azconzábal cresceu na partida e começou a controlar o confronto. Em pouco tempo o time já havia finalizado mais que o dobro de vezes dos anfitriões. Mas nada disso foi concretizado em gols. Afinal, muitos chutes foram desperdiçados. Como resultado, a partida terminou com o mesmo placar do 1º tempo, 1 x 1.

HURACÁN X UNIÓN – E AGORA?

O empate não foi um grande resultado para Huracán e Unión. Pois ambos os clubes ocupam a parte de baixo do Grupo B. O Globo, que agora acumula apenas um ponto, joga a próxima partida contra o Atlético Tucumán, fora de casa, no dia 1 de março. Enquanto o Tate possui dois pontos no momento. O seu próximo jogo é contra o Lanús, em casa, também no dia 1 de março.

HURACÁN X UNIÓN – MELHORES MOMENTOS

Foto destaque: Divulgação/Huracán

Avatar
Carlos Soares
Além da enorme paixão pelo esporte, eu sempre tive facilidade com a comunicação no geral. É uma habilidade que me destaca em qualquer ambiente que esteja. O desejo de fazer jornalismo surgiu devido a vontade de fazer com que essa aptidão possa me proporcionar grandes desafios em minha carreira profissional, principalmente na área esportiva. Ao ingressar na faculdade e estagiar na área, descobri diversas abordagens diferentes que o jornalismo pode ter e a quantidade de histórias que estão esperando para serem contatadas. O que fez eu me interessar ainda mais pela profissão e querer desempenhar um fazer jornalístico objetivo e de qualidade.

Deixe uma resposta