Na tarde desta sexta-feira (18) o Estádio San Mamés recebeu o duelo entre Athletic Bilbao e Huesca. Assim, a partida foi válida pela 14ª rodada do Campeonato Espanhol e teve o placar final de 2 x 0 para os donos da casa. Dessa forma, os Leões subiram para a 9ª posição da competição. Por outro lado, os Azulgranas seguem na zona de rebaixamento.

1° TEMPO

A 1ª etapa foi de dar sono ao telespectador. Ambas equipes travaram um duelo pela posse de bola no meio de campo. Assim, nenhum dos clubes se destacavam no ataque. Desse modo, os goleiros não trabalharam e apenas assistiram o mau desempenho de Athletic Bilbao e Huesca nos primeiros 45′.

2° TEMPO

O Athletic Bilbao obteve da maior posse de  bola na 2ª etapa. Dessa forma, os Leões voltaram com maior volume em seu ataque e encurralando os Azulgranas em seu campo de defesa. Entretanto, o clube basco arriscava nas ligações diretas, jogada que não favorecia seus atacantes. Por outro lado, o Huesca apostava nas investidas de Javi Galán pelo lado esquerdo, mas o clube não caprichava na conclusão a gol.

Na parte final da partida, Pulida derrubou Kodro na área, e, assim, o árbitro assinalou pênalti para o Athletic. Dessa maneira, o próprio atacante foi para a bola e abriu o placar no Estádio San Mamés. Após o gol, o Huesca se lançou ao ataque, mas não conseguiu encontrar grandes oportunidades. Desse modo, os donos da casa aproveitaram. Após escanteio cobrado por Morcillo, Unai Nunez infiltrou sozinho entre a defesa adversária e fechou o marcador.

ATHLETIC BILBAO X HUESCA – E AGORA?

Com a vitória, o Athletic subiu para a 9ª posição da La Liga, agora com 17 pontos conquistados. Assim, o clube basco entra em campo novamente diante do Villarreal na próxima terça-feira (22), fora de casa. Por outro lado, o Huesca segue na zona de rebaixamento do Espanhol, agora na última colocação. Contudo, os Azulgranas duelam contra o Levante na próxima semana, em seus domínios.

MELHORES MOMENTOS – ATHLETIC BILBAO X HUESCA

Foto Destaque: Divulgação/Athletic Bilbao

Bruno Reis
Bruno Reis
Prazer! Sou Bruno Reis, de Santo André, ABC paulista. Desde 2001 vivo, choro e sorrio por futebol. Costumo dizer que este esporte nunca será qualquer um, ele muda e transforma vidas, como fez com a minha. Próximo do término do ensino médio, me senti perdido, me perguntava qual seria meu rumo a partir dali. Apesar de não ter dado certo dentro de campo, percebi que tinha chegado a hora de viver do futebol fora dos gramados, como jornalista. Hoje não me vejo longe dessa profissão, virou minha paixão. O que mais amo fazer é escrever e viver dele com todas as minhas forças.

Artigos Relacionados