Holanda vence Letônia

Após ser derrota pela Turquia na abertura das Eliminatórias Europeia da Copa do Mundo, a Holanda, com público no estádio, se recuperou ao vencer a Letônia por 2 x 0 na tarde desse sábado (27). Dessa forma, os guerreiros “nederlandeses” marcaram um gol em cada tempo na Johan Cruyff Arena. Primeiramente, Steven Berghuis, do Feyenoord. Posteriormente, o atacante do Sevilla, Luuk de Jong, deu números finais à partida. O jogo ficou marcado por ser apitado pela francesa Stephania Frapart, a primeira árbitra mulher a atuar em um jogo masculino nas eliminatórias.

Assista aos melhores momentos de Holanda x Letônia

1º tempo: 1 x 0 ficou barato para Letônia

Como o esperado, a Holanda atuando na Johan Cruyff Arena começou melhor. Assim, Wijnaldum recebeu na direita e cruzou de primeira. Luuk de Jong, na segunda trave, tocou de cabeça para Davy Klaassen, mas o meio-campo não conseguiu finalizar corretamente. Posteriormente, o jogador do Ajax teve outra chance. Berghouis lançou na medida Klaassen e a cabeçada do atleta bateu no travessão.

E enfim, com meia hora de partida, os comandados por Frank de Boer foram recompensados. Dessa forma, Klaassen passou para Berghuis, que cortou para o meio e finalizou de canhota, golaço marcado por um dos artilheiros do Campeonato Holandês. Ainda antes do fim dos 45 minutos inicias, o autor do gol cruzou na medida para Luuk de Jong. Entretanto, o atacante cabeceou muito forte e a bola beijou o travessão novamente.

2º tempo: Luuk de Jong se redime do gol perdido

Da mesma forma que a primeira etapa, o segundo tempo iniciou com volume holandês. Assim, um escanteio cobrado aos oito minutos contou com uma sequência inusitada. Memphis Depay fez a cobrança, De Ligt cabeceou, mas a bola desviou em De Jong e começou um chute pra cá, chuta pra lá, e o goleiro não conseguia segurar a pelota. Enfim após uma tentativa de Klaasen, o arqueiro Roberts Ozols encaixou.

Posteriormente, Depay cobrou escanteio na medida para Luuk de Jong dar uma testada forte e a bola ir ao fundo das redes. Com cinco minutos para o fim, a Letônia finalmente assustou seus adversários. Andrejs Ciganiks recebeu forte cruzamento na segunda trave. O ponta dominou e chutou forte, mas a finalização foi defendida por Tim Krul e ainda bateu na trave. Após dois minutos de acréscimos, a árbitra Frapart apitou o final do jogo e entrou na história do futebol.

https://twitter.com/OnsOranje/status/1375883187851829251?s=19

Holanda x Letônia – E agora?

As seleções retornam o gramado já na próxima semana. Assim, na briga pela liderança do grupo G, a Holanda visita Gibraltar na terça-feira (30). No mesmo dia, a Letônia enfrenta a líder Turquia no Estádio Olímpico de Atatürk em Istambul.

Foto Destaque: Divulgação/KVNB

Avatar
Carlos Vinícius Amorim
Carlos Vinícius Amorim, 21 anos, atualmente cursando jornalismo pelo amor ao futebol, que se iniciou lá em 2005, com apenas seis anos de idade, já imaginam qual o clube né. Sempre se informando e informando aos outros, buscando referências e fontes. Como o jornalismo manda.