Gustavo Henrique assina em definitivo com o Bahia

Neste domingo (26), houve a confirmação de que mais um jogador fica para a disputa da Série B. Desse modo é o zagueiro, Gustavo Henrique, o jovem de 22 anos deixou o Atlético Mineiro para assinar em definitivo com o Bahia. O Tricolor pagou cerca de R$ 600 mil por 50% dos direitos do atleta e agora, atua como jogador do esquadrão até dezembro de 2024. Ademais, o tricolor vai dividir o valor a dez prestações para o galo bem como apurado pelo Globoesporte.com.

Gustavo Henrique no Bahia e posicionamento de Bellintani

Gustavo chegou para compor o elenco sub-20, porém suas boas aparições lhe renderam chances no time de cima. Ainda assim, a rescisão foi publicada no dia 17 de dezembro no Boletim Informativo Diário (BID). No bahêa, ainda que tenha subido para a equipe principal tinha a sombra dos titulares Germán Conti e Luis Otávio e ainda do reserva experiente Lucas Fonseca. Sobretudo, com a não permanência do argentino em 2022, o jovem acredita que possa ganhar mais minutagem no plantel de Guto Ferreira.

Dessa forma, com a camisa azul, vermelha e branca, atuou em 14 partidas, sendo três delas pela Série A e uma pela Copa do Nordeste. Pelo time sub-20, foram dez jogos e um gol marcado. Infelizmente, o tricolor baiano jogará a segunda divisão temporada que vem e por conta disso o presidente Guilherme Bellintani falou da história do clube e do que se espera para o próximo ano:

Tivemos vários craques, mas a essência da história do Bahia sempre foi muito mais um time de fibra do que um time com qualidade técnica muito acima da média do Brasil. Nós, na minha gestão, fugimos bastante dessa história. Talvez a principal coisa que devamos fazer daqui para frente é entender que se a gente não tem um elenco capaz de dar fibra, intensidade, força e luta dentro de campo, não são os craques que vão nos salvar. Até porque os craques de verdade não estão dispostos a vir para o Bahia nesse momento.” Comentou, o mandatário.

Foto: Jhony Pinho/AGIF/

Caio Santos