Grêmio: ida de Arthur para a Juventus pode render R$ 23 milhões ao clube

O volante Arthur já foi responsável por dar muitas alegrias aos torcedores do Grêmio. Afinal, é cria do clube gaúcho e foi importante nas conquistas da Copa Libertadores de 2017 e a Recopa Sul-americana de 2018. Após se destacar no futebol brasileiro, foi negociado com o Barcelona e chegou com grandes expectativas e metas na Catalunha. Entretanto, mesmo depois de um bom início, o jogador não conseguiu corresponder bem as expectativas do clube e passou a ser considerado negociável pelo clube. Agora, o possível destino do brasileiro pode ser a Itália e a negociação do atleta passa a ser interessante pelo Tricolor gaúcho.

Isso porque segundo a emissora italiana Sky Sports, Arthur está próximo de deixar o Barça nesta janela de transferências rumo à Juventus. A negociação entre as equipes gira em torno dos 80 milhões de euros, cerca de R$ 466 milhões. Já o salário do atleta estaria cerca de 5 milhões de euros, 29 milhões de reais, por temporada.

Caso a transação ocorra nestes valores, o Grêmio teria direito a R$ 23 milhões por causa do mecanismo de solidariedade da Fifa. Em entrevista à Rádio Bandeirantes o presidente do clube, Romildo Bolzan, declarou estar bastante feliz com o dinheiro, que chega em boa hora devido os problemas econômicos causados pela pandemia do coronavírus.

“Sobre essa notícia que surge do Arthur na Europa, é um dinheiro que pode chegar em boa hora para a gente”, afirmou o mandatário gremista.

Vale ressaltar que a contratação de Artur foi um pedido especial do técnico Maurizio Sarri. O italiano enxerga o brasileiro como uma peça fundamental para o esquema tático da equipe e, dessa forma, chegaria com muita moral em Turim. Na temporada atual pelo Barcelona, o volante disputou 27 jogos e marcou quatro gols pela equipe Blaugrana.

PJANIC NO BARCELONA

Embora a negociação com a Juventus esteja bem encaminhada, ainda restará o acerto dos catalães com o meia bósnio Miralem Pjanic. O jogador, que faz parte do negócio entre os times, chegaria ao Barça com o intuito de ocupar a vaga deixada pelo brasileiro no elenco. No entanto, o salário de Pjanic seria o principal impasse para o acerto, por ser maior que o de Arthur, e a diretoria catalã vê com restrições pagar mais a um atleta de 30 anos do que paga por outro de 23.

Foto destaque: Reprodução/Getty Images

Vitor Eduardo Simões Lima
Jornalista e apaixonado por futebol. Quando criança tive o sonho de ser jogador de futebol. Com o passar dos anos, tendo a responsabilidade de dividir a vida de atleta com os estudos, optei por deixar meu sonho de infância de lado e seguir outro caminho, mas jamais quis me desapegar do futebol. Entrei na faculdade de jornalismo com esse objetivo que levo até hoje depois de formado, trabalhar com jornalismo esportivo.

Artigos Relacionados