goleiro

O goleiro , rasgou o verbo ao falar do atual preparador de goleiros da seleção. Assim, o Cruzeirense rebateu a declaração de Taffarel, sobre sua forma técnica para a Copa de 2018. Por fim, o jogador afirma fase melhor do que os goleiros escolhidos, na época da convocação para a copa e cita “infelicidade” ao falar do assunto.

Em entrevista para o Uol, o goleiro cita a infelicidade das declarações de Taffarel. Dessa forma, o Celeste fala do sentimento de chateação, ao ouvir as palavras do ex-goleiro da Seleção Brasileira. Principalmente na parte que “tinha goleiros mais bem preparados que ele”, dita pelo mesmo. Em suma, Fábio ficou de fora da lista final do técnico Tite, para a Copa do Mundo 2018.

“O Taffarel eu acho que ele foi muito infeliz em algumas entrevistas que deu, mas é a opinião dele. Ele foi uma das minhas referências no futebol, porque antigamente você via um jogo só no domingo, então a maioria das vezes a gente conseguia ver o jogo da seleção, onde tinha aquele ambiente todo familiar: ‘hoje a seleção vai jogar', e o Taffarel teve um período muito bom na seleção e eu estava nessa transição já”, disse Fábio, em entrevista ao programa “Os Canalhas”.

 

GOLEIRO SOBRE A CONVOCAÇÃO PARA A COPA DE 2018

O atleta de 39 anos, afirmou que na época vivia melhor momento. Nesse ínterim, o Camisa 1 de forma tranquila e ponderada, cita incoerência de Taffarel e viver uma fase melhor do que os convocados para a posição. Fábio em nenhum momento de sua vitoriosa carreira, teve muitas oportunidades na seleção. Em síntese, os goleiros convocados foram Ederson.

“Acho que a forma que ele falou não foi muito coerente e foi indelicada. Acho que não respeitou muito a minha história e o meu trabalho. E, é lógico que são opiniões, mas dentro da grande realidade, eu vivia melhor momento que os goleiros que ele citou, que ele falou que eram melhores que eu no momento”, concluiu.

Foto Destaque: Reprodução/Twitter/radioitatiaia

Leandro Silva
Eu escolhi jornalismo por amar esporte, principalmente futebol. No momento tenho um canal no youtube com meus amigos chamado "Mesa de bar" , que fala de esportes em geral, a idéia é justamente criar um portfólio para ingressar na área jornalística. Meu objetivo profissional é ser comentarista de futebol, me espelhando em profissionais como o Paulo Vinícius Coelho, Lédio Carmona, Paulo Calçade entre outros. Sou uma pessoa tranquila e focada, tanto na vida profissional e pessoal. Simplicidade me define, sendo assim, pretendo acrescentar ao Futebol na Veia, com meus conhecimentos e qualidades.

Artigos Relacionados