Goiás: Henrique fala pela primeira vez após ser baleado

Após confusão em uma boate de Goiânia, o volante do Goiás, Henrique Lordelo, falou pela primeira vez após ser baleado na última sexta-feira (10).

COMO VOCÊ ESTÁ?

“Estou bem e me recuperando. Foi um susto. É como se eu nascesse de novo. Mas venho salientar que não participei e não estive presente em nenhuma briga ou discussão. Só estava na hora errada e no lugar errado. Agora é esperar a Polícia averiguar os fatos e agradecer a Deus que o pior não aconteceu”, desabafou o jogador.

O PEDIDO DE DESCULPAS

Em sua conta no Instagram, ele agradeceu o apoio e as mensagens que vem recebendo dos torcedores. Além disso, pediu desculpas por ter ido à boate e, desta forma, descumprido as recomendações de não aglomerar durante a pandemia da Covid-19.

“Passando primeiramente para me desculpar com o Goiás Esporte Clube por descumprir o protocolo de isolamento contra a Covid-19. Peço desculpas também a todos aqueles que perderam entes queridos nessa pandemia e que, de alguma forma, se sentiram ofendidos com meu ato”, afirmou Henrique.

QUANDO O GOIÁS VOLTA À CAMPO?

Por fim, o Verdão volta à campo no sábado (18), às 19h (horário de Brasília), contra o Brasil de Pelotas, no Estádio Hailé Pinheiro, em jogo válido pela 24ª rodada da Série B. 

Foto destaque: Divulgação/ Marcio Hawk / ENM

André Merice
A paixão pelo esporte me fez escolher a profissão. A experiência como atleta não foi como o esperado. Então, procurei algo em que me encaixasse. E o Jornalismo foi a primeira opção! Falar já é bom, quando o assunto é futebol, se torna melhor ainda.

Deixe um comentário