Gemellaggio: a união entre torcidas no futebol italiano

- A coluna Calciostoria dessa semana aborda sobre a ligação de torcedores de equipes distintas
Gemellaggio

Pelo mundo todo, é normal ver nas arquibancadas de diferentes times, centenas de torcedores apaixonados, na qual fazem a festa e incentivam seu time. Assim, na Itália não é diferente, tanto que existem até torcidas que por terem uma relação em comum, acabam criando laços de amizade. Essa proximidade é chamada de gemellaggio. Dessa forma, a coluna Calciostoria desta semana vai mostrar justamente sobre isso, trazendo sobre o início dessa união e apresentar clubes que aplicam isso atualmente no país da bota.

Leias Mais:

GEMELLAGGIO E SEU SIGNIFICADO

Antes mesmo de associar o gemellaggio com as torcidas na Itália, é preciso saber o significado da palavra, pois esse termo deve estar sendo mencionado pela primeira vez. Assim, levando o significado para uma parte mais técnica, nada mais é do que geminação em português. Contudo, em palavras mais simples, é a aproximação entre as torcidas, que podem acontecer por diversos fatores. Dessa forma, a relação política, cultural ou até mesmo algum ídolo em comum podem fazer com que ocorra a união entre torcedores de diferentes clubes.

O termo gemellagio tem um significado político, tanto que o mesmo se iniciou no século IX. Entretanto, levando o fator futebolístico, essa palavra passou a se popularizar mais no país da bota entre a década de 70 e 80, período no qual surgiram as torcidas organizadas na Itália. Ademais, além de também ter uma afinidade política como dito anteriormente, o objetivo dessa geminação é ter a aproximação entre os clubes e criar uma amizade em campo, sendo na maioria das vezes quando ambos tem um interesse em comum: ferrar com algum adversário.

PRINCIPAIS UNIÕES DE TORCIDAS

GENOA E NAPOLI

Mesmo não existindo mais um vínculo amigável entre as duas torcidas no cenário atual, Genoa e Napoli foram duas torcidas que completaram 37 anos de União. Tudo começou na temporada 81/82, quando o Milan, que tinha vencido na última rodada, dependia do resultado entre os dois times para não ser rebaixado. O Azzurri vencia o adversário, até que Luciano Castellini, goleiro napolitano cedeu um escanteio bizarro no fim, que acabou gerando o gol do Rossoblu.

Com o empate, o clube fugiu do rebaixamento e acabou levando o Milan para a segundona. Contudo, essa união entre o time e a torcida foi encerrado em 2019, quando a torcida organizada do Napoli não gostou de uma faixa que a torcida do Genoa utilizou homenageando a morte de um ultra da Internazionale. O fato gerou revolta pelo fato de que a morte em que estavam prestando respeito aconteceu em um conflito com napolitanos.

SAMPDORIA E PARMA

O Sampdoria tem outro clube no qual a união existe a mais tempo e a relação é melhor, que é o caso do Hellas Verona. Contudo, foi com o Parma, time que criou uma amizade no fim da década de 90, que aconteceu algo diferente do que os fãs do futebol têm costume de ver. Em maio 2019, as duas equipes se enfrentaram em confronto válido pela Serie A TIM.

Na ocasião, as duas equipes decidiram fazer algo bem inusitado, usar camisas com o desenho da equipe adversária, mas em suas cores originais. Assim, o Parma utilizou a estampa de uniforme tradicional da Sampdoria, e vice e versa. Essa iniciativa foi nomeada de Blucrociati, sendo um junção dos apelidos dos dois clubes: Blucerchiati e Crociati.

https://twitter.com/1913parmacalcio/status/1123527482886504448?s=19

MILAN E BRESCIA

Essa relação entre os times não tem muito aspecto políticos ou rivais/ídolos em comum. A união entre Milan e Brescia é mais por um fator geográfico, pois as equipes tem proximidade entre as cidades. Essa geminação ganhou um pouco mais de força durante os anos 2000, quando os milanistas abriram bandeiras pró-Brescia no Mario Rigamonti, na primeira temporada da década.

INTERNAZIONALE E LAZIO

A relação entre os dois clubes tem a rivalidade em comum. Devido a amizade que o Milan criou com a Roma, a Inter e Lazio também decidiram criar essa união. Assim, durante a amizade entre as equipes, tiveram fatores que poderiam ter encerrado o gemellaggio, como foi o caso da Copa da Uefa de 1998, onde o Nerazzurri venceu o adversário por 3 x 0, ou até mesmo em 2002, quando a Biancocelesti venceu o confronto e tirou o título da Serie A da Internazionale. Contudo, a união entre as torcidas se mantém até os dias atuais.

JUVENTUS E ROMA

Por incrível que pareça, a Juventus tem melhores relações com times estrangeiros. Porém, levando em consideração a Itália, a Juve tinha fortes laços com a Roma, isso na década de 70. Contudo, a amizade entre os clubes acabou se encerrando quando a disputa pela Serie A era entre os dois. Além disso, o fator principal foi na temporada de 1980/81, quando Maurizio Turone, defensor do Giallorossi, marcou o gol que daria o título para Roma.

Porém, o juiz acabou anulando de forma equivocada o gol marcado por Maurizio, e com o resultado da partida, o título daquele ano ficou para a Juventus. Assim, a revolta dos jogadores e torcedores da Roma fizeram com que o gemellagio com a Velha Senhora terminasse de uma forma nada agradável.

FIM DO GEMELLAGGIO ENTRE OS CLUBES

Por fim, além dos clubes citados acima, existem diversas outras equipes que possuem esse tipo de união no futebol. Além de clube conhecidos, como é o caso de Atalanta, Bologna, Torino, Fiorentina, também existem equipes de segunda divisão, sendo o Frosinone por exemplo. Além disso, muitas equipes deixaram de ter essa união entre torcidas, sendo na maioria das vezes por conflitos em competições ou até mesmo por diferentes ideais. Porém, o gemellagio segue forte e presente no país da bota.

Foto Destaque: Reprodução/NapoliSport

Daniel Marques

Sobre Daniel Marques

Daniel Marques já escreveu 166 posts nesse site..

Me chamo Daniel Castro Marques, tenho 18 anos e adoro esportes no geral, mas tenho uma paixão especial pelo futebol. Quando criança, tinha o sonho de ser jogador de futebol, mas por diversos fatores isso não foi possível. Então encontrei outra forma de me manter próximo do esporte. Através do jornalismo posso me manter atualizado e falar sobre o que mais gosto. Meu sonho é poder participar de um grande evento futebolístico, a UEFA Champions League em especial. Atualmente moro em Guarulhos-SP e estou cursando jornalismo na Universidade Anhembi Morumbi. Facebook: Daniel Castro Marques Instragram: @dandan_marques194

BetWarrior


Poliesportiva


Daniel Marques
Daniel Marques
Me chamo Daniel Castro Marques, tenho 18 anos e adoro esportes no geral, mas tenho uma paixão especial pelo futebol. Quando criança, tinha o sonho de ser jogador de futebol, mas por diversos fatores isso não foi possível. Então encontrei outra forma de me manter próximo do esporte. Através do jornalismo posso me manter atualizado e falar sobre o que mais gosto. Meu sonho é poder participar de um grande evento futebolístico, a UEFA Champions League em especial. Atualmente moro em Guarulhos-SP e estou cursando jornalismo na Universidade Anhembi Morumbi. Facebook: Daniel Castro Marques Instragram: @dandan_marques194

    Artigos Relacionados

    Topo