Na sexta-feira (26), o Fluminense jogou contra o Volta Redonda. A princípio, o Flu saiu atrás no 1º tempo. Porém, o time se reergueu na segunda etapa do confronto. Por fim, contudo, quem levou a vitória foi o Esquadrão de Aço.

De antemão, a partida foi emocionante, cheia de reviravoltas e com decisão nos últimos minutos. O Tricolor estava com praticamente todos os titulares no elenco. Mesmo assim, a partida terminou com 3 x 2 para o Volta Redonda.

Roger Machado fala sobre o Fluminense

Desde já, o técnico Roger Machado admitiu que o Fluminense teve um tempo ruim no início do duelo. Sendo assim, o Fluzão perdeu a chance de subir na tabela do Carioca. Ainda mais, o time está na 3º posição, enquanto o Voltaço atinge o 1º lugar.

“De fato, foi um 1º tempo ruim. A gente demorou muito para entrar na partida e a entender a característica de jogo do adversário. Isso custou o placar de 2 x 0 no 1º tempo. Com os ajustes no intervalo, a gente conseguiu voltar para a partida, igualar o placa. Estávamos construindo na direção de uma possível vitória, tivemos uma bola importante nos pés do Biel, porém ele não finalizou bem. E tomamos um gol no contra-ataque, numa bola disputada pelo alto que pegou nosso setor defensivo desfavorecido”, disse Roger Machado, após o fim do duelo.

Jogadores comentam sobre a partida

“Acabamos tomando dois gols, o que nos desequilibrou. Calor, gramado ruim, primeiro jogo nosso também. Sentimos ter que recuperar, correr atrás. As circunstâncias ficaram difíceis. Depois entramos no jogo, mas fizemos um 1º tempo muito ruim”, disse Fred, atacante do time tricolor.

“Primeiramente agradeço a Deus pelos dois gols. Estou muito feliz por poder ajudar a equipe, principalmente contra o Fluminense, um time grande” – Comentou Alef Manga, atacante do Voltaço

Próximos jogos

O Flu enfrentará o Vasco nesta terça-feira (30), às 21h35 (horário de Brasília), no Estádio Raulino de Oliveira. Já o Volta, jogará contra o Boa vista, no mesmo lugar.

Foto destaque: Divulgação/Lucas Merçon/FFC

Avatar
Eliane Ramos
Tenho 20 anos e desde os 18, eu já sabia o que queria. Sempre fui muito curiosa e amante da escrita. Estudar jornalismo é se conectar consigo mesmo e descobrir novas paixões. O jornalismo me escolheu. Atuei como apresentadora e social media na rádio PopRio. Tenho vontade de aprender cada vez mais, e conhecer diferentes áreas do jornalismo para finalmente definir minha paixão. Sempre fui muito curiosa e amante da escrita.