O Flamengo recebe o Cruzeiro neste domingo (13), no estádio da Gávea, às 15h (horário de Brasília). O duelo é válido pela nona rodada do Campeonato Brasileiro Feminino A1. A saber, as equipes estão no meio da tabela e a diferença entre as duas é de apenas um ponto.

Verificado
REGISTE-SE NO BET365 > 365APOSTA
Bônus e Detalhes das ofertas
NOVOS CLIENTES: OBTENHA ATÉ R$200 EM CRÉDITOS DE APOSTA. USO CODIGO BONUS 365APOSTA
Termos e Condições:

 NOVOS CLIENTES: OBTENHA ATÉ R$200 EM CRÉDITOS DE APOSTA.
Retornos excluem valor em Créditos de Aposta. Aplicam-se T&C, limites temporais e exclusões. O código de bônus 365APOSTA pode ser usado durante o registro, mas não altera o valor da oferta de forma alguma.

Expira em: 31-12-2022
Última verificação: há 2 dias

FLAMENGO

As Meninas da Gávea ocupam a 11ª posição, com 11 pontos conquistados. Assim sendo, estão a dois pontos do São José, última equipe na zona de classificação para a próxima fase. Nos três jogos disputados após o retorno do campeonato, teve uma derrota, 3 x 1 sobre o Corinthians, uma vitória, pelo mesmo placar, diante do Iranduba, e um empate, 1 x 1 com a Ferroviária.

CRUZEIRO

As Cabulosas estão uma posição acima, com 12 pontos. Dessa maneira, a apenas um ponto da zona de classificação para as quartas de final. A equipe disputou dois jogos após o retorno. Assim sendo, no primeiro jogo, foi goleada pelo Corinthians, por 4 x 1. Mas se recuperaram na rodada seguinte, quando golearam o Vitória por 4 x 0.

RETROSPECTO – FLAMENGO X CRUZEIRO

De acordo com o site oGol, as equipes nunca se enfrentaram em jogos oficiais.

APOSTA INDICADA E PALPITE

Como as equipes fazem campanhas parecidas, a aposta é no empate. Além disso, o fator casa não vem interferindo nos resultados. Já que, no caso do Flamengo, os resultados em casa variam. Bem como, em relação ao Cruzeiro, acontece o mesmo com os placares longe de seus domínios. Assim sendo, o palpite é o empate em 1 x 1.

Odds: em breve

Foto destaque: Divulgação/FNV

Jéssica Albuquerque
Formada em Letras, pela UFRJ, e em Jornalismo, pela FACHA. Amo ler, escrever e futebol. No jornalismo esportivo pude unir os três.

Artigos Relacionados