Melhor do mundo

Nesta sexta-feira (11), a FIFA divulgou a lista dos jogadores que concorrem ao prêmio de melhor jogador do mundo. Sem surpresas, Lewandowski está entre os três finalistas, afinal, o atacante foi importante na conquista da Champions League 2019-20 pelo Bayern de Munique. Além disso, o atacante foi eleito o melhor da última temporada pela Uefa.

Já os outros dois finalistas não surpreendem, já que Messi e Cristiano Ronaldo são presenças quase que “fixas” na lista do melhor do mundo desde 2016. A exceção foi em 2018, já que neste ano que o argentino ficou fora do Top-3. Inclusive esse foi o único ano onde o prêmio não ficou com um dos craques. Nesta edição, o vencedor acabou sendo Luka Modric.

Entre as mulheres há novidades em relação as últimas edições, afinal apenas Lucy Bronze, do Manchester City, terceira colocada em 2019, está entre as finalistas. Pernile Harder, do Chelsea, e Wendie Renard, do Lyon, completam a lista.

Alisson como melhor do mundo

O Brasil está representado nesta edição com Alisson. O goleiro do Liverpool é um dos finalistas da categoria. Além dele, concorrem ao prêmio Manuel Neuer, do Bayern, e Jan Oblak, do Atlético de Madrid.

A disputa de melhor treinador conta com Hansi Flick, do Bayern, Jürgen Klopp, do Liverpool e Marcelo Bielsa, do Leeds United.

Por fim, o prêmio The Best também irá premiar o gol mais bonito da temporada. Concorrem ao Prêmio Puskás o uruguaio Arrascaeta, do Flamengo, além de Suárez, do Atlético de Madrid, mas concorrendo pelo gol marcado quando estava no Barcelona, e Son, do Tottenham.

Foto Destaque: Divulgação/Twitter/Fifa

Avatar
Flavio Rodrigues
Sempre admirei a capacidade dos jornalistas em poder informar o público e despertar a reflexão e o senso crítico nas pessoas. Adoro falar e debater sobre esportes e acredito que como formadores de opinião, temos a obrigação de passar fatos aos leitores. Apesar disso, gosto muito de fazer textos opinativos, como análises táticas ou mesmo temas polêmicos, como o retorno do futebol na pandemia. Ao longo da minha carreira já tive experiências com matérias abordando outros esportes além do futebol, entrevistas com atletas, dirigentes e pessoas envolvidas com o esporte (como especialistas em marketing) e cobertura de eventos presencialmente.

Artigos Relacionados