Nesta quinta-feira (13), o São Paulo fez a sua estreia no Campeonato Brasileiro, após o adiamento de sua partida pela primeira rodada, contra o Goiás, devido a resultados positivos para covid-19 no clube goiano. Logo, recebeu no Morumbi, o Fortaleza do técnico Rogério Ceni. Dessa maneira, melhor para os comandados de Fernando Diniz, que com gol de Daniel Alves, venceram por 1 x 0. 

Assim, após a vitória sobre os cearenses, o técnico Fernando Diniz falou em entrevista coletiva, revelando a possibilidade de contratações pontuais para o restante da temporada. Vale ressaltar o elogio que Diniz fez ao seu elenco, comentando que é um plantel que o satisfaz. 

“O elenco é bom. Desde quando cheguei aqui falei que o elenco era bom. Estávamos fazendo um primeiro semestre muito bom, aí teve a pandemia, esses dois jogos que fomos muito mal , mas o elenco é muito bom. Pode ser que tenha uma ou outra contratação pontual, mas é um elenco que me satisfaz. 

O comandante do Tricolor do Morumbi falou sobre a importância dos jovens jogadores que estão vindo das categorias de base. “Temos vários jogadores de Cotia que eu aposto e gosto, à medida que o trabalho vai evoluindo eles vão pegando confiança, aí podemos apostar neles”, pontuou o treinador.

PERDA DE ZAGUEIRO E NEGOCIAÇÃO EMPERRADA

Vale lembrar que no início da semana, o São Paulo iniciou uma negociação com o Grêmio visando a troca do ponta-esquerda Everton, pelo atacante Luciano, mas as conversas esfriaram e o negócio não evoluiu. E, na quinta-feira (13), o Tricolor informou a rescisão contratual do zagueiro Anderson Martins, que estava no clube desde 2018.

Embalado pela vitória na estreia, o São Paulo se prepara para o próximo compromisso no Campeonato Brasileiro. Desse forma, o clube paulista vai ao Rio de Janeiro enfrentar o Vasco, pela 3ª rodada da principal competição nacional. O jogo acontece no domingo (16), às 16h (horário de Brasília), em São Januário.

Foto destaque: Reprodução/Rubens Chiri/São Paulo FC

Victor Parrini
Victor Parrini
Como amante de rádio, TV e esportes (principalmente o futebol), esses foram alguns dos motivos que me levaram a escolher o jornalismo para a minha vida. Como jornalista, quero ouvir e contar histórias, porque isso é o que nos move. Aqui exponho meu primeiro contato com a escrita esportiva.

Artigos Relacionados