Fede Moreira

Com o sonho de chegar ao futebol profissional, Fede Moreira contou mais sobre . Dessa maneira, em exclusiva, ele falou mais sobre o seu futuro e revelou alguns de seus sonhos em relação ao futebol.

Com 16 anos de idade, Fede já disputou alguns jogos no Brasil. Um deles, o que mais o marcou até agora, foi contra o Internacional. O jogador enfrentou o time gaúcho em um torneio na cidade de Quaraí. Dessa forma, na partida, conseguiram a vitória por 1 x 0. Além disso, levantaram a taça de campeão da competição. A partir daí, o atleta começou a se aproximar do futebol do Brasil.

Foto: Arquivo Pessoal

PING-PONG COM FEDE MOREIRA

Além do Internacional, o que conhece sobre o futebol brasileiro? Tem alguma referência?

“Joguei contra o Grêmio também. Enfrentei algumas outras equipes brasileiras. Contudo, pelo o que sei, é um futebol bastante disputado, assim como o nosso. Sei que tem mais jogo por todos os lados. Sei que os jogador jogam muito bom a bola e jogam bem. É um futebol muito lindo. Gosto muito.”

O clássico entre Inter e Grêmio é um dos principais do Brasil. Qual foi a equipe mais difícil de enfrentar?

“A equipe mais difícil de enfrentar foi o Grêmio, onde pudemos vencer por 2 x 0. É uma equipe muito veloz e que gostam de jogar pelas laterais. Além disso, atacam muito e sempre querem ser protagonistas. Contudo, como disse, fomos mais forte, soubemos ler a partida e conseguimos vencer-los, o que era o importante.”

Já desejou gostar em algum clube brasileiro?

“Sim! Sempre disse isso desde pequeno, quando ia visitar meu avô em Jaguarão [cidade gaúcha, que faz fronteira com o Uruguai]. Sempre me chamou a atenção o Grêmio, que é a equipe que eu mais gosto do Brasil.”

Foto: Arquivo Pessoal

Você se inspira em alguma atleta daqui?

“Sim! Na defesa, gosto muito de Geromel. Ele é um defensor completo em todos os sentidos. Enquanto isso, no ataque, gosto muito do Everton Cebolinha.”

Você já disputou algumas partidas pela Seleção Uruguaia. Como foi a experiência?

“Sempre é um orgulho vestir a Celeste. Estar no complexo e essas coisas é lindo. Até agora, já joguei contra o Chile, Brasil, Paraguai e Peru. Também já enfrentei o River Plate, Boca Juniors e Racing, todos da Argentina. Foram todas partidas amistosas em preparação para a Competição Sul-Americana.”

Tem o sonho de representar a Seleção Uruguaia Profissional? Como pensa em alcançar o objetivo?

“Sim, tenho muito esse sonho! Acredito que seja um dos maiores de todos os jogadores. Dessa forma, acredito que para chegar ao time profissional da Celeste tenho que ter um bom jogo na Primeira Divisão. Assim, acredito que posso chegar à Celeste.”

Foto destaque: Reprodução/Arquivo Pessoal

Lauren Berger
Lauren Berger, gaúcha e apaixonada por futebol. Cresci vendo grandes nomes do Brasil em campo e um sentimento especial cresceu em mim. Vi Ronaldinho Gaúcho, Fernandão, Cristiano Ronaldo, Iniesta e foi amor à primeira partida. Estudo na Universidade Luterana do Brasil-RS.

Artigos Relacionados