Fabinho Ceará

Nesta quinta-feira (21), o volante Fabinho, de 33 anos, concedeu uma entrevista virtual á imprensa através do canal do Vozão.

Depois que ele saiu do Inter cresceu ainda mais. Já era excelente treinador. Pelos trabalhos que acompanhei, evoluiu ainda mais. Ele já chega em um grande clube da Série A com certa bagagem e experiência. Não está no futebol há pouco tempo”.

Lembrando que Guto Ferreira foi anunciado oficialmente pelo clube cearense no dia 18 de março, logo depois de ser decretada a quarentena social a fim evitar a disseminação do Covid-19. E surpreendentemente até o momento não teve contato presencial com os jogadores do elenco.

Entretanto, o camisa 19 Alvinegro, falou sobre a filosofia de jogo do técnico, além de destacar os pontos característicos da tática utilizada por ele dentro de campo. Assim sendo, um outro fator positivo será a adaptação, isso porque mais de 33% do elenco já foi treinado por Guto.

Ele gosta muito de mostrar tanto as virtudes como os defeitos no vídeo. Gosta de jogar taticamente de forma muito inteligente, com compactação, cobra os atacantes para voltar e marcar”.

O retorno aos jogos

O Ceará em 15 jogos está invicto na temporada, no entanto, esse período sem jogos e com treinos realizados em casa poderão afetar o rendimento dos atletas no retorno as competições, mas os torcedores do Vovô podem ficar tranquilos. De acordo, com Fabinho empenho não irá faltar.

Vou trabalhar ao máximo. Sabemos que existem outros jogadores. Será uma disputa sadia dentro do elenco. Todo mundo quer jogar, ser visto. O importante é trabalhar e esperar o momento”.

Aliás, os jogos das competições do futebol brasileiro não tem uma previsão de retorno. Em contrapartida, o secretário-geral da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), Walter Feldman, durante uma entrevista à agência Reuters, cogitou a possibilidade da volta das partidas em junho, podendo encerrar o Brasileirão em 2021.

Foto Destaque: Thiago Gadelha/SVM

Tathiane Marques
Na verdade, não fui eu que escolhi o jornalismo e sim ele que me escolheu. Sem dúvidas, a profissão é como um oceano que precisa ser desvendado na sua profundeza, só assim é possível conhecer e respeitar toda sua beleza.

Artigos Relacionados