Aston Villa vence Everton fora de casa. (Foto: Reprodução/Fotogramma)

Neste sábado (1), o Everton recebeu o Aston Villa pela 34ª rodada da Premier League 2020/21. O duelo contou com o retorno de Calvert-Lewin. O atacante marcou, mas o placar final foi de 2 x 1 para os visitantes. Confira abaixo os destaques do duelo!

Assista aos melhores momentos de Everton x Aston Villa

1º tempo – O equilíbrio prevalece

Assim, no começo da primeira etapa, o duelo começou com um grande equilíbrio, conforme o esperado. Assim, aos 14′, Ollie Watkins abriu o placar para o Aston Villa. A equipe visitante continuou criando, tendo que se defender contra o ataque de Liverpool. No entanto, após um escanteio bem cobrado, Calvert-Lewin, de volta ao time titular, conseguiu igualar o placar. A partida continuou equilibrada, com chances claras dos dois lados. Entretanto, o placar do primeiro tempo terminou em 1 x 1.

2º tempo – A invencibilidade continua

Já na segunda etapa, o clima do jogo mudou. A temperatura baixou e o rendimento das suas equipes caiu. O Aston Villa mantinha a bola enquanto o Everton pressionava forçando a defesa a rifar a bola. No entanto, aos 79′, El Ghazi conseguiu mudar o rumo da partida. De fora da área, ele chutou a bola colocada para ampliar o placar. Assim, o Aston Villa se segurou e venceu, mantendo a invencibilidade de três partidas contra o Everton. O placar final foi de 2 x 1 para os visitantes.

Everton x Aston Villa – E agora?

Assim, o Everton viaja para Londres, onde enfrenta o West Ham United. O duelo acontece no domingo (9), às 12h30 (horário de Brasília). Já o Villa volta para Birmingham, onde recebe o Manchester United. A partida acontecerá no domingo (9), às 10h05 (horário de Brasília). Assim, as duas partidas acontecerão pela 35ª rodada do campeonato inglês.

Foto destaque: Reprodução/Fotogramma

Avatar
Cadu Maciel
Carlos Eduardo Fernandes Maciel, 17 anos. Cursando o 3º ano do Ensino Médio. Fez o Curso de Jornalismo Esportivo com Alexandre Praetzel e Jorge Nicola. Aos 15 anos, se apaixonou por esportes e por sua mobilização social. Assim, o jornalismo esportivo se tornou uma realidade para viver do melhor emprego do mundo (para ele, pelo menos).

Deixe uma resposta