Euro 2020

Primeiramente, a Eurocopa 2020 vai começar! O jogo entre Turquia e Itália ocorre no dia 11 de julho e abre o maior torneio de seleções da Europa. Em suma, a coluna Marcas da Copa traz um resumo sobre o torneio: como chega cada equipe para a disputa da competição, melhores colocações de cada seleção na história do torneio, convocações e quais são os craques que brilharão em solo europeu.

Eurocopa 2020 – Grupo A

TURQUIA

Turquia Euro 2020
Turquia comemora vaga na Euro 2020 (Foto: REUTERS)

Antes de tudo, a seleção turca participou cinco vezes da Eurocopa, tendo em 2008 sua melhor colocação. Assim, na ocasião, ela se classificou em 2º lugar do Grupo A, eliminando a Croácia nas quartas de final após as disputas de pênaltis. Em contrapartida, na semifinal, foi eliminada pela Alemanha por 3 x 2 e deu adeus ao sonho da conquista europeia.

Contudo, a Turquia chega à Eurocopa 2020 após boa atuação nas Eliminatórias e se classificar em 2º lugar do Grupo H. Grupo esse, que teve a França como 1ª colocada e que perdeu por 2 x 0 para a seleção turca, com gols de Ayhan e Ünder.

CONVOCAÇÃO SELEÇÃO DA TURQUIA EUROCOPA 2020

Goleiros: Altay Bayindir, Fehmi Mert Gunok e Ugurcan Cakir

Defensores: Mehmet Zeki Celik, Caglar Söyüncü, Kaan Ayhan, Merih Demiral, Mert Muldur, Ozan Muhammed Kabak, Ridvan Yilmaz e Cengiz Umut Meras

Meio-campistas: Yusuf Yazici, Dorukhan Toköz, Irfan Can Kahveci, Okay Yokuslu, Orkun Kökçü, Ozan Tufan, Taylan Antalya e Hakan Çalhanoglu

Atacantes: Burak Yilmaz, Cengiz Ünder, Enes Unal, Efecan Karaca, Abdulkadir Omur, Muhammed Kerem Aktürkoglu, Halil Ibrahim Dervisogl e Kenan Karaman

DESTAQUE

A princípio, o grande destaque turco é o atacante Buraz Yilmaz, jogador do Lille, da França. Em resumo, o atleta foi um dos responsáveis pelo time francês conquistar o título da Ligue 1 nesta temporada depois de 10 anos de espera e marcou 16 gols no campeonato.

ITÁLIA

Immobile
Immobile é o homem gol da Itália (Foto: Calciopedia / Reprodução)

Primeiramente, a tetracampeã mundial Itália dispensa comentários quando falamos de títulos. Porém, quando o assunto é Eurocopa, a coisa não é tão fácil assim para os italianos. Desse modo, o único título conquistado pela Azzurra aconteceu em 1968. Posteriormente, a Itália só voltou a disputar a final do torneio europeu em 2000, quando perdeu o título para a França e em 2012, quando saiu derrotada por 4 x 0 para a Espanha.

Contudo, nesta edição, a seleção italiana renovou seus jogadores em relação ao último mundial e aparece como uma das favoritas ao título.  Sendo assim, nas eliminatórias, a Itália fez uma ótima campanha, vencendo todos os seus jogos da fase de grupos e se classificando em 1º lugar do Grupo J. Assim, com alguns brasileiros naturalizados, o país vem forte para a disputa da Eurocopa 2020.

CONVOCAÇÃO SELEÇÃO DA ITÁLIA EUROCOPA 2020

Goleiros: Gianluigi Donnarumma, Alex Meret e Salvatore Sirigu

Defensores: Francesco Acerbi, Alessandro Bastoni, Leonardo Bonucci, Giorgio Chiellini, Giovanni Di Lorenzo, Emerson Palmieri, Alessandro Florenzi, Leonardo Spinazzola e Rafael Tolói

Meio-campistas: Nicolo Barella, Bryan Cristante, Jorginho, Manuel Locatelli, Lorenzo Pellegrini, Stefano Sensi e Marco Verratti

Atacantes: Andrea Belotti, Domenico Berardi, Federico Bernardeschi, Federico Chiesa, Ciro Immobile, Giacomo Raspadori e Lorenzo Insigne

DESTAQUE

Certamente, o destaque italiano é o atacante da Lazio, Ciro Immobile. Em suma, o italiano foi o vencedor da Chuteira de Ouro na temporada 2019/20 com 36 gols marcados e virou referência no ataque de sua seleção.

PAÍS DE GALES

Bale e Ramsey comemoram gol contra Hungria (Foto: AFP)

Antes de mais nada, os galeses surpreenderam o mundo recentemente. Sem nunca ter participado de nenhuma edição da Eurocopa desde sua criação, a primeira aparição dos Dragões ocorreu em 2016, quando surpreendentemente, chegaram à semifinal do torneio. Assim, liderados por Gareth Bale, os galeses se classificaram em 1º lugar de seu grupo e eliminaram a forte seleção da Bélgica nas quartas de final. Mas, na semifinal, foram eliminados por Portugal.

Contudo, nas Eliminatórias para a Euro desse ano, os galeses não tiveram vida fácil e quase ficaram de fora do torneio europeu. Contudo, mesmo se classificando em 2º lugar do Grupo E, Gales ficou apenas um ponto a frente da Eslováquia, que teve que participar da repescagem.

CONVOCAÇÃO SELEÇÃO DO PAÍS DE GALES EUROCOPA 2020

Goleiros: Adam Davies, Wayne Hennessey e Danny Ward

Defensores: James Lawrence, Chris Mepham, Chris Gunter, Connor Roberts, Joe Rodon, Rhys Norrington-Davies, Ben Cabango, Ben Davies e Neco Williams

Meio-campistas: Rubin Colwill, Aaron Ramsey, Joe Morrell, Ethan Ampadu, Joe Allen, Jonny Williams, Matt Smith, Dylan Levitt, David Brooks e Harry Wilson

Atacantes: Dan James, Gareth Bale, Kieffer Moor e  Tyler Roberts

DESTAQUE

Por mais que não viva grande fase, o destaque galês é a estrela Gareth Bale. O ex-jogador do Real Madrid, na maioria das vezes, joga melhor em sua seleção do que em clubes. Desse modo, o atacante de 31 anos é novamente a esperança de gols de Gales na Eurocopa 2020 e comandará o ataque dos Dragões.

SUÍÇA

A Suíça é conhecida por sua forte defesa (Foto: Mais Futebol / Reprodução)

Antes de tudo, a seleção suíça sempre foi sinônimo de poucos gols nos torneios. Tanto em questão de gols feitos, quando em tomados. No entanto, sua melhor colocação na Eurocopa ocorreu em 2016, quando perdeu nas oitavas de final para a Polônia, após disputa de pênaltis, depois de ter empatado em 1 x 1.

Contudo, após se classificarem em 1º lugar do Grupo D, os suíços veem com bons olhos a chance de surpreender no torneio europeu. Assim, com uma equipe base que atua há bastante tempo junta, a seleção da Suíça aposta na experiência de seus jogadores para a conquista do inédito título europeu.

CONVOCAÇÃO SELEÇÃO DA SUÍÇA EUROCOPA 2020

Goleiros: Yann Sommer, Yvon Mvogo e  Jonas Omlin

Defensores: Manuel Akanji, Loris Benito, Eray Cömert, Nico Elvedi, Jordan Lotomba, Kevin Mbabu, Becir Omeragic, Ricardo Rodríguez, Fabian Schär e Silvan Widmer

Meio-campistas: Christian Fassnacht, Edimilson Fernandes, Remo Freuler, Admir Mehmedi, Xherdan Shaqiri, Djibril Sow, Ruben Vargas, Granit Xhaka, Denis Zakaria e Steven Zuber

Atacantes: Breel Embolo, Mario Gavranović e Haris Seferović

DESTAQUE

Com sua experiência, o atacante Haris Seferović é o destaque da seleção suíça. Por mais que seu clube, o Benfica, não tenha feito boas aparições nesta temporada, o suíço conseguiu manter sua média de gols na Liga NOS, balançando as redes por 23 vezes.

Eurocopa 2020 – Grupo B

DINAMARCA

Poulsen marca gol contra a Suíça pelas Eliminatórias (Foto: UEFA)

Sobretudo, a Dinamarca é detentora de um título europeu, conquistado em 1992. Na ocasião, os dinamarqueses eliminaram a favorita Holanda nas quartas de final, após disputa de pênaltis, e venceram a Alemanha por 2 x 0 na grande final.

No entanto, para a competição deste ano, a seleção se classificou em 2º lugar do Grupo D, atrás da Suíça. Mas, os 23 gols marcados durante as Eliminatórias mostram que a seleção está fortemente preparada para buscar o segundo título europeu.

CONVOCAÇÃO SELEÇÃO DA DINAMARCA EUROCOPA 2020

Goleiros: Kasper Schmeichel, Frederik Ronnow e Jonas Lössl

Defensores: Daniel Wass, Joakim Maehle, Jens Stryger Larsen, Simon Kjaer, Andreas Christensen, Jannik Vestergaard, Joachim Andersen, Nicolai Boilesen e Mathias Jorgensen

Meio-campistas: Christian Eriksen, Pierre-Emile Højbjerg, Thomas Delaney, Anders Christiansen, Mathias Jensen e Christian Norgaard

Atacantes: Mikkel Damsgaard, Martin Braithwaite, Yussuf Poulsen, Jonas Win, Kasper Dolberg, Robert Skov, Andreas Cornelius e Andreas Skov Olsen

DESTAQUE 

O destaque dinamarquês é o meio-campista Christian Eriksen, jogador da Internazionale. Por mais que não tenha feito boa temporada individualmente, a Inter venceu o campeonato italiano e Eriksen participou de grande parte dos jogos. O jogador também é o 8º maior goleador da história da Dinamarca.

FINLÂNDIA

Pukki comemora uns dos gols sobre Liechtenstein (Foto: EPA/ Kimmo Brandt)

Antes de tudo, a Finlândia nunca participou de nenhuma edição da Eurocopa e faz sua estreia na edição deste ano. A seleção, que também nunca disputou uma Copa do Mundo, se classificou bravamente como 2ª colocada do Grupo J, que teve a Itália como líder. Além disso, os finlandeses deixaram a Grécia e Bósnia e Herzegovina para trás e levaram os torcedores à loucura com a participação inédita na competição europeia.

CONVOCAÇÃO SELEÇÃO DA FINLÂNDIA EUROCOPA 2020

Goleiros: Lukas Hradecky, Jesse Joronen e Anssi Jaakkola

Defensores: Paulus Arajuuri, Daniel O’Shaugnessy, Joona Toivio, Leo Väisänen, Sauli Väisänen, Robert Ivanov, Jere Uronen, Nikolai Alho, Jukka Raitala e Pyry Soiri

Meio-campistas: Glen Kamara, Robert Taylor, Robin Lod, Joni Kauko, Onni Valakari, Rasmus Schüller, Thomas Lam, Tim Sparv, Fredrik Jensen e Lassi Lappalainen

Atacantes: Joel Pohjanpalo, Marcus Forss e Teemu Pukki.

DESTAQUE

Com 31 anos, o atacante Teemu Pukki, jogador do Norwich City, é o grande destaque finlandês. Em suma, ele conquistou o acesso à Premier League com o Norwich na temporada 2018/19, sendo eleito o melhor jogador da competição. Em contrapartida, mesmo sendo rebaixado com o Norwich em 2020, na temporada atual, ele levou seu time a ser campeão da EFL Championship.

BÉLGICA

A ”Geração Belga” quer conquistar seu primeiro título (Foto: Imago / One Football)

Por mais que sempre tenha plantéis com ótimos jogadores, a seleção belga nunca foi campeã da Eurocopa. Sua melhor colocação ocorreu na edição de 1980, quando perdeu a grande final para a Alemanha por 2 x 1. Eventualmente, os belgas deixaram as favoritas Espanha e Inglaterra para trás e decidiram a final contra os alemães. Mas, na grande final, o atacante Hrubesch marcou duas vezes e acabou com o sonho belga.

No entanto, com uma campanha avassaladora nas Eliminatórias da Euro, com 40 gols marcados e apenas três sofridos em 10 jogos, a seleção belga busca seu primeiro título europeu.

Goleiros: Thibaut Courtois, Simon Mignolet e Mats Selz

Defensores: Toby Alderweireld, Dedryck Boyata, Jason Denayer, Thomas Vermaelen e Jan Vertonghen

Meio-campistas: Timothy Castagne, Nacer Chadli, Yannick Carrasco, Kevin De Bruyne, Leander Dendoncker, Thorgan Hazard, Thomas Meunier, Dennis Praet, Youri Tielemans, Hans Vanaken e Axel Witsel

Atacantes: Michy Batshuayi, Christian Benteke, Jérémy Doku, Eden Hazard, Romelu Lukaku, Dries Mertens e Leandro Trossard

DESTAQUE

Certamente, as recentes atuações e o protagonismo no Manchester City fazem com que Kevin De Bruyne seja o destaque belgas. O meio-campista é dito por muitos como o melhor na posição e acumula troféus com o time inglês e vários prêmios individuais ao longo da carreira.

RÚSSIA

Jogadores russos comemorando a vitória sobre San Marino pelas Eliminatórias (Foto: Riafan.Ru)

Primeiramente, a seleção russa não é uma seleção que acumula muitos títulos. Ainda mais quando o assunto é Eurocopa. Sua melhor colocação foi na edição de 2008. No torneio, ela enfrentou a favorita Holanda nas quartas de final. Após empate no tempo normal, na prorrogação, os russos foram superiores e eliminaram a forte seleção holandesa. Mas, nas semifinais, os russos foram derrotados por 3 x 0 para a Espanha e deram adeus ao torneio.

Para a Eurocopa 2020, a equipe se classificou em 2º lugar do Grupo I, atrás apenas da Bélgica, que teve a melhor campanha. Em conclusão, com jogadores experientes e que jogaram a última Copa do Mundo, disputado em solo russo, os soviéticos tentam surpreender e buscar a taça pela primeira vez.

CONVOCAÇÃO SELEÇÃO DA RÚSSIA EUROCOPA 2020

Goleiros: Yuri Dyupin, Matvei Safonov e Anton Shunin

Defensores: Igor Diveev, Georgi Dzhikiya, Mario Fernandes, Vyacheslav Karavaev, Fedor Kudryashov e Andrei Semenov

Meio-campistas: Dmitri Barinov, Denis Cheryshev, Daniil Fomin, Aleksandr Golovin, Daler Kuzyaev, Andrei Mostovoy, Maksim Mukhin, Magomed Ozdoev, Rifat Zhemaletdinov, Yuri Zhirkov e Roman Zobnin

Atacantes: Artem Dzyuba, Aleksei Ionov, Denis Makarov, Aleksei Miranchuk, Aleksandr Sobolev e Anton Zabolotny

DESTAQUE

O atacante do Zenit, Artem Dzyuba é o destaque russo para a disputa da Eurocopa 2020. O jogador teve boa atuação na campanha russa durante a Copa de 2018 e é referência no ataque soviético. Além disso, o torneio é a chance de Dzyuba se tornar o maior artilheiro da história da Rússia: o atacante do Zenit tem 26 gols, três atrás do primeiro colocado, Aleksandr Kerjakov.

Eurocopa 2020 – Grupo C

HOLANDA

A Holanda aposta na juventude em busca do seu 2º título europeu (Foto: REUTERS)

Antes de tudo, a seleção da Holanda sempre teve ótimo plantéis. No entanto, a seleção dos Países Baixos conquistou apenas uma taça em sua história. Eles venceram uma vez o torneio europeu, em 1988. Na ocasião, eles eliminaram a Alemanha nas semifinais e venceram por 2 x 0 a União Soviética na grande final, com gols de Van Basten e do polivalente Gullit.

A Holanda, que estava no grupo da Alemanha nas Eliminatórias, não teve dificuldades e se classificou em 2º lugar do Grupo C. Assim, com um elenco recheado de promessas, os holandeses preparam seu plantel para a disputa da Eurocopa 2020 e já pensam na Copa do Qatar no ano que vem.

CONVOCAÇÃO SELEÇÃO DA HOLANDA EUROCOPA 2020

Goleiros: Jasper Cillessen, Tim Krul e Maarten Stekelenburg

Defensores: Nathan Ake, Daley Blind, Matthijs de Ligt, Stefan de Vrij, Denzel Dumfries, Jurriem Timber, Patrick van Aanholt, Joel Veltman e Owen Wijndal

Meio-campistas: Frenkie de Jong, Marten de Roon, Ryan Gravenberch, Davy Klaassen, Teun Koopmeiners, Donny van de Beek e Georginio Wijnaldum

Atacantes: Steven Berghuis, Luuk de Jong, Memphis Depay, Cody Gakpo, Donyell Malen, Quincy Promes e Wout Weghorst

DESTAQUE

Com o corte do zagueiro Virgil van Dijk da seleção, o protagonismo cai para Frenkie de Jong, jogador do Barcelona. O atleta não vive sua melhor fase, mas mesmo assim, continua sendo peça fundamental na equipe holandesa, capaz de achar seus companheiros livres com um simples toque na bola.

UCRÂNIA

Os ucranianos tentam surpreender no torneio europeu (Foto: SIC Notícias / Reprodução)

Primeiramente, a seleção ucraniana, treinada pelo lendário atacante Shevchenko, não teve boas participações na história da Eurocopa. Com apenas duas participações no torneio, sendo eliminado na fase de grupos nas duas ocasiões, os ucranianos buscam o feito inédito de passar para a fase de mata-mata da Euro.

Dessa forma, eles fizeram ótima campanha nas Eliminatórias, se classificando em 1º lugar de seu grupo, sem nenhuma derrota e deixando a seleção de Portugal como 2ª colocada, os ucranianos estão crentes que poderão fazer boa campanha no torneio europeu.

CONVOCAÇÃO SELEÇÃO DA UCRÂNIA EUROCOPA 2020

Goleiros: Georgiy Bushchan, Andriy Pyatov e Anatolii Trubin

Defensores: Eduard Sobol, Illia Zabarnyi, Serhiy Kryvtsov, Denys Popov, Oleksandr Tymchyk, Vitaliy Mykolenko, Oleksandr Karavaev e Mykola Matviyenko

Meio-campistas: Serhiy Sydorchuk, Ruslan Malinovskyi, Mykola Shaparenko, Marlos, Yevhen Makarenko, Oleksandr Zinchenko, Viktor Tsygankov, Taras Stepanenko, Andriy Yarmolenko, Oleksandr Zubkov, Heorhii Sudakov e Roman Bezus

Atacantes: Roman Yaremchuk, Artem Besedin e Artem Dovbyk

DESTAQUE

O meio-campista do West Ham, Andriy Yarmolenko, é o grande destaque da Ucrânia para a Euro 2020. Mesmo não vivendo seu melhor momento, o jogador de 31 anos ainda é a esperança de gols ucranianos. Por fim, com 38 gols, ele é o 2º maior goleador da história da Ucrânia, atrás apenas de seu treinador, Shevchenko.

ÁUSTRIA

David Alaba é o principal jogador da Áustria (Foto: Getty Images / Dean Mouhtaropoulos)

Sobretudo, a seleção austríaca participou duas vezes da disputa da Eurocopa, em 2008 e 2016. Em ambas as atuações, a Áustria nunca passou sequer da fase de grupos do torneio. Dessa forma, os austríacos apostam em jogadores mais experientes, como o atacante Arnautović e o volante e capitão Baumgartlinger. Nas Eliminatórias, a Áustria não teve problemas em se classificar como 2ª colocada do grupo G, atrás da Polônia.

CONVOCAÇÃO SELEÇÃO DA ÁUSTRIA EUROCOPA 2020

Goleiros: Daniel Bachmann, Heinz Lindner, Pavao Pervan e Alexander Schlager

Defensores: David Alaba, Aleksandar Dragovic, Marco Friedl, Martin Hinteregger, Stefan Lainer, Philipp Lienhart, Stefan Posch, Christopher Trimmel e Andreas Ulmer

Meio-campistas: Julian Baumgartlinger, Christoph Baumgartner, Florian Grillitsch, Stefan Ilsanker, Konrad Laimer, Valentino Lazaro, Marcel Sabitzer, Louis Schaub, Xaver Schlager e Alessandro Schöpf

Atacantes: Marko Arnautović, Michael Gregoritsch, Sasa Kalajdzic e Karim Onisiwo

DESTAQUE

O polivalente David Alaba, de 28 anos, é o destaque da seleção austríaca para a disputa do torneio. O jogador, que pode atuar tanto como zagueiro, volante ou lateral-esquerdo, mas que joga de ponta esquerda em sua seleção, chega ao torneio europeu pouco tempo após ter assinado contrato para se tornar jogador do Real Madrid.

MACEDÔNIA DO NORTE

Pandev, maior jogador da história da Macedônia, comemora o gol que rendeu a seu país a vaga inédita para a Euro 2020 (Foto: Trivela / Reprodução)

Primordialmente, a modesta equipe da Macedônia do Norte chega para a sua primeira participação da Eurocopa. A seleção, que também nunca disputou uma Copa do Mundo, só se classificou para a Euro 2020 após a repescagem. Ocupando a 3ª posição no Grupo G, ficando atrás de Polônia e Áustria, eles duelaram contra Kosovo, vencendo por 2 x 1, para enfrentar a Geórgia na grande ”final”. Logo após, os macedonienses venceram a Geórgia por 1 x 0, com gol do ídolo Pandev, e se classificaram de forma heroica para a competição europeia.

CONVOCAÇÃO SELEÇÃO DA MACEDÔNIA DO NORTE EUROCOPA 2020

Goleiros: Stole Dimitrievski, Damjan Siskovski e Riste Jankov

Defensores: Stefan Ristovski, Visar Musliu, Egzon Bejtulai, Kire Ristevski, Gjoko Zajkov, Darko Velkovski e Ezdzan Alioski

Meio-campistas: Arijan Ademi, Enis Bardhi, Stefan Spirovski, Boban Nikolov, Tihomir Kostadinov, Ferhan Hasani, Eljif Elmas, Daniel Avramovski, Darko Curlinov e Marjan Radeski

Atacantes: Goran Pandev, Aleksandar Trajkovski, Ivan Trickovski, Vlatko Stojanovski, Krste Velkovski e Milan Ristovski

DESTAQUE

Goran Pandev, de 37 anos, é o maior jogador da história da Macedônia do Norte e destaque da seleção para a Euro 2020. Jogador do Genoa, Pandev é o atleta com mais jogos na história de sua seleção, com 115 aparições, e o maior artilheiro, com 37 gols marcados.

Eurocopa 2020 – Grupo D

INGLATERRA

O artilheiro Harry Kane é o capitão da seleção inglesa (Foto: REUTERS)
Antes de mais nada, a seleção inglesa é conhecida por sempre ter elencos muito fortes nas competições. Por mais que essa seja a 10ª participação da Inglaterra na Eurocopa, a melhor colocação do elenco da terra da rainha ocorreu em 1996. Eventualmente, os ingleses golearam a Holanda por 4 x 1 na fase de grupos e deixaram a Espanha para trás nas oitavas de final, após as disputas de pênaltis. No entanto, nas quartas contra a Alemanha, os ingleses não foram tão bem nos penais e deram adeus ao torneio.

Para a Eurocopa 2020, os ingleses montaram uma seleção com jogadores jovens que foram destaques dos seus times na Premier League. Em suma, nas Eliminatórias, os ingleses tiveram um avassalador ataque de 37 gols em 10 jogos e demonstraram consistência ofensiva levando apenas seis gols.

 

CONVOCAÇÃO SELEÇÃO DA INGLATERRA EUROCOPA 2020

Goleiros: Dean Henderson, Sam Johnstone e Jordan Pickford;

Defensores
: Ben White, Ben Chilwell, Conor Coady, Reece James, Harry Maguire, Tyrone Mings, Luke Shaw, John Stones, Kieran Trippier e Kyle Walker.

Meio-campistas: Jude Bellingham, Jordan Henderson, Mason Mount, Kalvin Phillips e Declan Rice;

Atacantes: Dominic Calvert-Lewin, Phil Foden, Jack Grealish, Mason Greenwood, Harry Kane, Marcus Rashford, Bukayo Saka, Jadon Sancho e Raheem Sterling.

DESTAQUE

Com 27 anos e um pé direito matador, Harry Kane é a grande esperança de gols da Inglaterra para a Eurocopa 2020. Artilheiro das Eliminatórias com 12 gols marcados, o atacante do Tottenham acumula prêmios individuais, como por exemplo, três vezes artilheiro da Premier League, além de ser o goleador máximo da Copa do Mundo de 2018.

CROÁCIA

Croácia aposta na experiência de seus jogadores para disputar a Euro 2020 (Foto: Denis Lovrovic / AFP)

Antes de tudo, a vice campeã mundial de 2018 é uma candidata que corre por fora na Euro 2020. Com cinco participações na história da Eurocopa, a Croácia nunca passou das quartas de final do torneio. Na edição de 1996, foi derrotada pela Alemanha por 2 x 1. Posteriormente em 2008, após as penalidades máximas, foi eliminada para a Turquia. Por outro lado, para edição de Eurocopa, a Croácia tem um elenco recheado de jogadores experientes e que jogam juntos desde a base.

Nas Eliminatórias da Eurocopa 2020, a Croácia se classificou como líder do Grupo E, ficando à frente de País de Gales. Sem muitas preocupações, o elenco croata atua há bastante tempo junto e pode ser um dos pontos chaves quando enfrentarão equipes mais inexperientes.

CONVOCAÇÃO SELEÇÃO DA CROÁCIA EUROCOPA 2020

Goleiros: Dominik Livaković, Lovre Kalinić e Simon Sluga

Defensores: Sime Vrsaljko, Borna Barisic, Duje Caleta-Car, Dejan Lovren, Josip Juranovic, Domagoj Vida, Josko Gvardiol, Domagoj Bradarić e Mile Skorić

Meio-campistas: Mateo Kovacić, Luka Modrić, Marcelo Brozović, Milan Badelj, Nikola Vlasić, Mario Pasalić, Ivan Perisić, Josip Brekalo, Mislav Orsić e Luka Ivanusec

Atacantes: Ante Rebić, Bruno Petkovic, Ante Budimire Andrej Kramarić

DESTAQUE

Com 35 anos, Luka Modrić é o cérebro da seleção croata. Melhor Jogador do Mundo em 2018 e Bola de Ouro da Copa do Mundo do mesmo ano, o jogador do Real Madrid tem quatro Champions League em seu currículo e foi o grande responsável pela incrível campanha croata até a final do mundial de 2018.

REPÚBLICA TCHECA

A República Tcheca não teve problemas para se classificar para a Euro 2020 (Foto: Banda B / Divulgação)

Antes de tudo, a República Tcheca é lar de alguns jogadores notáveis no futebol mundial, como Pavel Nedvěd, vencedor da Bola de Ouro de 2003, que inclusive esteve na melhor campanha da República Tcheca na história da Eurocopa: um vice campeonato na edição de 1996. Na edição, os tchecos eliminaram Portugal nas quartas de final e mandaram de volta para a casa a favorita França na semifinal. No entanto, na grande final, com dois gols de Bierhoff, os tchecos perderam o título para a Alemanha.

Por outro lado, nas Eliminatórias para a Eurocopa 2020, os tchecos não tiveram dificuldades para se classificar para a competição europeia. Comandados por Jaroslav Šilhavý, eles agora querem surpreender na competição e buscar o título que já esteve perto de estar em suas mãos.

CONVOCAÇÃO SELEÇÃO DA REÚBLICA TCHECA EUROCOPA 2020

Goleiros: Tomáš Vaclík, Jiří Pavlenka e Aleš Mandous

Defensores: Jan Bořil, Jakub Brabec, Vladimír Coufal, Ondřej Čelůstka, Pavel Kadeřábek, Tomáš Kalas, Aleš Matějů e David Zima

Meio-campistas: Antonín Barák, Vladimír Darida, Adam Hložek, Tomáš Holeš, Jakub Jankto, Alex Král, Lukáš Masopust, Jakub Pešek, Tomáš Souček, Petr Ševčík e Michal Sadílek

Atacantes: Michael Krmenčík, Tomáš Pekhart, Patrik Schick e Matěj Vydra

DESTAQUE

Sem dúvida, o meio-campista do Hertha Berlin, Vladimír Darida é o destaque tcheco. Com 30 anos, o jogador é o homem de confiança de Šilhavý para liderar o time em busca do tão sonhado título europeu. Em suma, conhecido por ser um jogador box-to-box, o atleta ajuda o time tanto na defesa quanto no ataque.

ESCÓCIA

Jogadores da Escócia comemorando a vaga para a Euro 2020 (Foto: UEFA)

Antes de tudo, essa é a segunda participação da Escócia na Eurocopa. A primeira ocorreu na edição de 1992, quando os escoceses não passaram sequer da fase de grupos, que contava com Alemanha e Holanda, e deram adeus precocemente ao torneio europeu.

No entanto, nas Eliminatórias da Eurocopa 2020, emoção foi o que não faltou à Escócia. Com a 3º colocação do Grupo I, eles foram obrigados a jogar a repescagem contra Israel. Em seguida, na disputa de pênaltis, Zahavi desperdiçou sua cobrança e os escoceses foram para a ”final” contra a Sérvia. Posteriormente nos pênaltis, a estrela do goleiro David Marshall brilhou e ele defendeu o pênalti cobrado por Mitrović, classificando a Escócia para a Euro 2020.

CONVOCAÇÃO SELEÇÃO DA ESCÓCIA EUROCOPA 2020

Goleiros: Craig Gordon, David Marshall e Jon McLaughlin

Defensores: Liam Cooper, Declan Gallagher, Grant Hanley, Jack Hendry, Scott McKenna, Stephen O'Donnell, Nathan Patterson, Andy Robertson, Greg Taylor e Kieran Tierney

Meio-campistas: Stuart Armstrong, Ryan Christie, John Fleck, Billy Gilmour, John McGinn, Callum McGregor, Scott McTominay e David Turnbull

Atacantes: Ché Adams, Lyndon Dykes, James Forrest, Ryan Fraser e Kevin Nisbet

DESTAQUE

Eleito o Jogador Escocês de 2020, John McGinn é o destaque da Escócia para a Eurocopa 2020. Capaz de atacar e defender da mesma maneira, o meio-campista do Aston Villa tem um pé esquerdo potente e poder ser um dos diferenciais dentro de campo.

Eurocopa 2020 – Grupo E

ESPANHA

Espanhóis comemoram empate contra Suécia que garantiu vaga à Euro 2020 (Foto: Getty Images / David S. Bustamante )

Antes de mais nada, a maior campeã da Eurocopa, com três títulos, chega como uma das favoritas a conquistar o troféu europeu. Campeã nas edições de 1964, 2008 e 2012, a Espanha ainda perdeu um título em 1984 para a anfitriã do torneio, a França. Em contrapartida, a Espanha chega ao torneio sem o experiente zagueiro Sergio Ramos.

Líder do Grupo F nas Eliminatórias, a Espanha não teve dificuldades para se classificar como primeira colocada de seu grupo. Em suma, com o grupo renovado e com nomes mais jovens no plantel, a Espanha busca o 4º título europeu de sua história e já prepara a base para a Copa de 2022.

CONVOCAÇÃO SELEÇÃO DA ESPANHA EUROCOPA 2020

Goleiros: Unai Simón, David de Gea e Robert Sánchez

Defensores: José Gayà, Jordi Alba, Pau Torres, Laporte, Eric Garcia, Diego Llorente e Azpilicueta

Meias: Sergio Busquets, Marcos Llorente, Rodri, Pedri , Thiago Alcântara, Koke e Fabián Ruiz

Atacantes: Dani Olmo, Mikel Oyarzabal, Álvaro Morata, Gerard Moreno, Ferrán Torres, Adama Traoré e Pablo Sarabia

DESTAQUE

Acima de tudo, um dos mais vitoriosos e experientes jogadores do plantel, Sergio Busquets é o grande diferencial da equipe espanhol para o torneio. Com a ausência de Sergio Ramos, a liderança cai para o volante de 32 anos. Assim, com calma e dominância no meio campo, o jogador foi fundamental na conquista da Euro 2012 e da Copa do Mundo de 2010.

SUÉCIA

Suecos comemorando a vitória sobre a Romênia (Foto: UEFA)

Primeiramente, a Suécia não tem lá grandes atuações na história da Eurocopa. Em síntese, sua melhor participação no torneio ocorreu em 1992, quando foram eliminados pela Alemanha na semifinal da competição. Mesmo deixando para trás França e Inglaterra na fase de grupos, os suecos não forma páreos para os alemães, que venceram por 3 x 2 e se classificaram para a final do torneio.

No entanto, nas Eliminatórias da Euro desse ano, os suecos não tiveram dificuldades de classificação no torneio e ficaram na 2º colocação do Grupo F, ficando atrás apenas da Espanha, que também estará no grupo do time amarelo e azul. A grande novidade é a ausência do ídolo Zlatan Ibrahimović, cortado por causa de uma lesão.

CONVOCAÇÃO SELEÇÃO DA SUÉCIA EUROCOPA 2020

Goleiros: Karl-Johan Johnsson, Kristoffer Nordfeldt e Robin Olsen

Defensores: Emil Krafth, Victor Lindelöf, Marcus Danielson, Martin Olsson, Ludwig Augustinsson, Pontus Jansson, Filip Helander, Mikael Lustig, Andreas Granqvist (Helsingborg);

Meio-campistas: Emil Forsberg, Ken Sema, Viktor Claesson, Dejan Kulusevsk, Sebastian Larsson, Albin Ekdal, Kristoffer Olsson, Jens-Lys Cajuste, Mattias Svanberg e Gustav Svensson

Atacantes: Marcus Berg, Alexander Isak, Robin Quaison e Jordan Larsson

DESTAQUE

Meio-campista do RB Leipzieg, Emil Forsberg é o destaque da Suécia. Veloz e com um ótimo passe, o meio-campista de 29 anos teve boas atuações com a seleção durante a Copa de 2018 e é o jogador que comanda as ações no meio-campo.

POLÔNIA

Robert Lewandowski é detentor do prêmio The Best e esperança de gols da Polônia (Foto: Getty Images)

Primeiramente, com apenas duas participações na história da Eurocopa, a Polônia tenta mudar esse retrospecto na edição de 2020. Em 2016, quando obteve sua melhor colocação, a equipe eliminou a Suíça na disputa de pênaltis nas oitavas de final. Posteriormente, a Polônia conseguiu empatar com Portugal em 1 x 1 e levou novamente a decisão para os pênaltis. Mas, a sorte não foi a mesma como na fase anterior e Błaszczykowsk desperdiçou sua cobrança, eliminando sua seleção.

Com um grupo relativamente tranquilo nas Eliminatórias, a Polônia foi suprema e se classificou como líder go Grupo G. Nesse sentido, com uma equipe considerada experiente e com jogadores rodados, como o goleiro Szczęsny e o zagueiro Glik, os poloneses buscam fazer diferente das edições anteriores.

CONVOCAÇÃO SELEÇÃO DA POLÔNIA EUROCOPA 2020

Goleiros: Lukasz Fabianski, Wojciech Szczęsny e Lukasz Skorupski

Defensores: Jan Bednarek, Bartosz Bereszynski, Pawel Dawidowicz, Kamil Glik, Michal Helik, Tomasz Kedziora, Kamil Piatkowski, Tymoteusz Puchacz e Maciej Rybus

Meio-campistas: Przemyslaw Frankowski, Kamil Józwiak, Mateusz Klich, Kacper Kozlowski, Grzegorz Krychowiak, Karol Linetty, Jakub Moder, Przemyslaw Placheta e Piotr Zielinski

Atacantes: Dawid Kownacki, Robert Lewandowski, Arkadiusz Milik, Karol Swiderski e Jakub Swierczok

DESTAQUE

Sem dúvida, um dos melhores jogadores do mundo, Robert Lewandowski é o destaque da Polônia. Detentor do prêmio The Best 2020, o atacante de 32 anos acumula troféus de artilharia em sua casa. Forte, alto e matador, o camisa 9 do Bayern de Munique tem a incrível marca de 48 gols marcados em 40 jogos nesta temporada.

ESLOVÁQUIA

Jogadores da Eslováquia comemoram gol sobre a Irlanda do Norte que lhes rendeu vaga para Euro (Foto: UEFA)

Antes de tudo, essa é apenas a 2º participação da Eslováquia na história da Eurocopa. A primeira foi na edição anterior, quando em 2016, após cair no grupo da Inglaterra, País de Gales e Rússia, os eslovacos ficaram na 3º colocação e deram adeus precocemente do torneio.

No entanto, a classificação para a Eurocopa 2020 não foi fácil para eles. Com um ponto atrás do País de Gales, os eslovacos tiveram que participar da repescagem como resultado. Posteriormente, a Eslováquia eliminou a Irlanda após a disputa de pênaltis. Na ”final”, o gol contra do zagueiro eslovaco Škriniar, aos 43′, deu tons dramáticos ao jogo, que foi para a prorrogação. Logo após, o gol de Ďuriš deu a vaga aos eslovacos para a Euro 2020.

CONVOCAÇÃO SELEÇÃO DA ESLOVÁQUIA EUROCOPA 2020

Goleiros: Martin Dúbravka, Marek Rodák e Dušan Kuciak

Defensores: Peter Pekarík, Lubomír Satka, Denis Vavro, Milan Skriniar, Tomás Hubocan e Jakub Holúbek

Meio-campistas: Marek Hamšík, Stanislav Lobotka, Patrik Hrosovsky, Juraj Kucka, Ondrej Duda, Róbert Mak, Vladimír Weiss, László Bénes, Lukás Haraslín, Tomás Suslov, Matús Bero e Erik Jirka

Atacantes: Michal Duris, Róbert Bozeník e Dávid Strelec

DESTAQUE

Em suma, mesmo tendo vivido o auge de sua carreira no Napoli, onde é ídolo e também o jogador com mais jogos pelo clube, Marek Hamšík é o destaque eslovaco. Assim, com 33 anos, Hamšík é o capitão e o motorzinho de sua seleção. Sendo o jogador com mais gols e jogos por sua seleção, ele é o cérebro do time e distribui muito bem o jogo para seus companheiros.

Eurocopa 2020 – Grupo F

HUNGRIA

Hungria não terá vida fácil no Grupo F, o ”Grupo da Morte” (Foto: Getty Images)

Primeiramente, a Hungria não tem boas recordações quando o assunto é Eurocopa. Com apenas duas participações no torneio, sua melhor colocação ocorreu em 1964, quando foi eliminada para a Espanha logo no início.

De maneira idêntica, para a edição de 2020, a Hungria passou sufoco para se classificar. Ocupando a 4ª colocação do Grupo E, a Hungria enfrentou e venceu a Bulgária por 3 x 1. Posteriormente, nos acréscimos do jogo, o gol de Szoboszlai contra a Islândia rendeu vaga para Hungria na Eurocopa 2020.

CONVOCAÇÃO SELEÇÃO DA HUNGRIA EUROCOPA 2020

Goleiros: Ádám Bogdán, Dénes Dibusz e Péter Gulácsi

Defensores: Gergő Lovrencsics, Endre Botka, Ádám Lang, Ákos Kecskés, Attila Fiola, Willi Orbán, Attila Szalai, Bendegúz Bolla

Meio-campistas: Loïc Négo, Ádám Nagy, László Kleinheisler, Dávid Sigér, Dániel Gazdag, András Schäfer, Tamás Cseri e Filip Holender

Atacantes: Adám Szalai, Roland Sallai, Nemanja Nikolić, Kevin Varga, Roland Varga, Szabolcs Schön, János Hahn

DESTAQUE

Com 24 anos e com um forte faro de gol, Roland Sallai é o destaque húngaro para a Eurocopa 2020. Veloz e forte, o atacante de Freiburg marcou oito gols e deu seis assistências na Bundesliga e é uma das apostas da Hungria para a Eurocopa 2020.

PORTUGAL

Atual campeão da competição, Portugal é um dos favoritos para a conquista da Euro (Foto: Genya Savilov / AFP)

Antes de tudo, o atual campeão da competição, Portugal chega a Eurocopa 2020 em busca do bicampeonato consecutivo. O time bateu na trave em três edições, mas em 2016 finalmente saiu da fila. Na ocasião, o gol de Éder no final do jogo contra a França deu aos portugueses o título europeu inédito.

Mas, nas Eliminatórias da Eurocopa 2020, Portugal ocupou o 2º lugar do Grupo B, ficando atrás da Ucrânia. Assim, algumas críticas ao estilo de jogo português começaram a surgir.

CONVOCAÇÃO SELEÇÃO DE PORTUGAL EUROCOPA 2020

Goleiros: Anthony Lopes, Rui Patrício e Rui Silva

Defensores: João Cancelo, Nélson Semedo, José Fonte, Pepe, Rúben Dias, Nuno Mendes e Raphael Guerreiro

Meio-campistas: Danilo Pereira, João Palhinha, Rúben Neves, Bruno Fernandes, João Moutinho, Renato Sanches, Sérgio Oliveira e William Carvalho

Atacantes: Pedro Gonçalves, André Silva, Bernardo Silva, Cristiano Ronaldo, Diogo Jota, Gonçalo Guedes, João Félix e Rafa Silva

DESTAQUE

Por fim, o destaque português dispensa comentários. Cristiano Ronaldo continua em alto nível e é a estrela do time. Com 36 gols na temporada com a Juventus, o Robozão pode quebrar alguns recordes durante a disputa da Euro, coisa que ele entende bem. Empatado com Michael Platini como jogador com mais gols na competição (9 gols), o português pode se isolar na artilharia, além de se tornar o único jogador da história a participar de cinco edições de Eurocopa.

FRANÇA

Com 22 anos, Mbappé é a grande estrela da França (Foto: REUTERS)

Primeiramente, a atual campeã mundial, a França é uma das favoritas a conquista europeia. Em suma, no torneio, a equipe francesa acumula dois títulos: o primeiro, em 1984, quando venceram a Espanha por 2 x 0 em sua casa. Posteriormente, o segundo título veio em 2000, quando o gol de Trezeguet lhes rendeu o bicampeonato.

Assim, líder do Grupo H nas Eliminatórias, a França foi suprema em seu grupo e se classificou sem maiores problemas. Com um elenco repleto de jogadores vencedores com seus clubes e que foram campeões mundiais em 2018, os Bleus prometem dar trabalho em busca do tricampeonato europeu.

CONVOCAÇÃO SELEÇÃO DA FRANÇA EUROCOPA 2020

Goleiros: Hugo Lloris, Steve Mandanda e Mike Meignan

Defensores: Lucas Digne, Léo Dubois, Lucas Hernández, Presnel Kimpembe, Jules Koundé, Clément Lenglet, Benjamin Pavard, Raphaël Varane e Kurt Zouma

Meio-campistas: N'Golo Kanté, Thomas Lemar, Paul Pogba, Adrien Rabiot, Moussa Sissoko e Corentin Tolisso

Atacantes: Wissam Ben Yedder, Karim Benzema, Kingsley Coman, Ousmane Dembélé, Olivier Giroud, Antoine Griezmann, Kylian Mbappé e Marcus Thuram

DESTAQUE

Sem dúvida, com 22 anos e uma velocidade espetacular, Kylian Mbappé a estrela francesa para a Eurocopa 2020. O atacante do PSG já demonstrou toda sua capacidade quando levou a França ao bicampeonato mundial em 2018. Colecionando recordes com a seleção, Mbappé é um dos pilares de seu time nas disputas europeias.

ALEMANHA

Os alemães buscam recuperação após a fraca participação na Copa do Mundo de 2018 (Foto: REUTERS)

Antes de tudo, com uma das camisas mais pesadas no mundo, a Alemanha é a maior vencedora da Eurocopa, juntamente com a Espanha, com três títulos conquistados, (1972, 1980 e 1996). Dessa forma, com uma mistura de velhos conhecidos, a Alemanha tenta deixar para trás o fantasma do último mundial.

Portanto, nas Eliminatórias para a Euro 2020, no mesmo grupo da Holanda, os alemães foram supremos e se classificaram como líder de seu grupo. Dessa forma, o técnico Joachim Löw, comandante da seleção desde 2006 e campeão mundial em 2014, conhece bem o caminho para as glórias máximas para trazer o tetracampeonato para casa.

CONVOCAÇÃO SELEÇÃO DA ALEMANHA EUROCOPA 2020

Goleiros: Manuel Neuer, Bernd Leno e Kevin Trapp

Defensores: Matthias Ginter, Antonio Rüdiger, Robin Gosens, Christian Günter, Marcel Halstenberg, Mats Hummels, Lukas Klostermann, Robin Koch e Niklas Süle

Meio-campistas: Ilkay Gündogan, Toni Kroos, Emre Can, Joshua Kimmich, Thomas Müller, Jamal Musiala, Serge Gnabry, Leon Goretzka, Kai Havertz, Jonas Hofmann, Leroy Sané e Florian Neuhaus

Atacantes: Timo Werner e Kevin Volland

DESTAQUE

Certamente, o jovem meio-campista Kai Havertz é o destaque alemão para a Euro 2020. Em suma, com 21 anos, o jogador do Chelsea foi autor do gol que deu ao time londrino o título da Champions League desta temporada. Entretanto, rápido e versátil, o jovem atleta demorou pra ingressar no clube inglês. Mas, ele já demonstrou que tem talento e juntamente com Toni Kroos, deve comandar o meio-campo alemão.

Foto destaque: Divulgação/UEFA

Gabriel Caetano
Gabriel Caetano
Meu nome é Gabriel Caetano, tenho 20 anos e sou estudante de Jornalismo na Anhembi Morumbi. Natural de São Paulo, apaixonado por cinema e música, escolhi o Jornalismo pela minha paixão de futebol e quero poder trabalhar com isso. A carreira de goleiro não deu muito certo, então decidi falar sobre o esporte.

Deixe uma resposta