Encerrando 6 anos de tabu

Em jogo válido pelo Campeonato Paulista, tivemos o clássico Santos x Palmeiras, na Vila Belmiro, com um público pouco maior que treze mil pagantes e um show dentro de campo.

O time do Santos entrou querendo somente a vitória, afinal, com os deslizes de Ponte Preta e Mirassol, caso o time dá baixada ganhasse, iria se tornar líder do seu grupo.

Já para o time alviverde, um empate já estaria de bom tamanho, já que respira tranquilamente na liderança do seu grupo.

Porém, na prática, os dois times entraram para ganhar e mostrar o bom futebol, e o primeiro tempo só terminou em 0x0 pela qualidade dos arqueiros: Vladimir e Fernando Prass, que pegaram tudo, fecharam o gol e impediram as torcidas de comemorarem um gol.

Na volta para o segundo tempo, os goleiros continuavam sendo os nomes do jogo. O time da baixada teve grandes chances e Fernando Prass, em noite de gala, não deu chances para os santistas. Mas, aos 30 minutos, não deu para o goleiro. A bola de Bruno Henrique sobrou para Ricardo Oliveira e o atacante santista abriu o placar.

Após o gol, o time do Palmeiras foi para cima. Eduardo Baptista colocou Roger Guedes e Willian e deixou o time com 4 atacantes, mas todas as chances sendo paradas em Vladimir, até que, aos 40 minutos, Roger Guedes – que entrou no lugar de Keno – encontrou Jean na área e o lateral finalizou cruzado, o goleiro Vladimir ainda desviou para dentro do gol e, após dois minutos do empate alviverde, Roger Guedes – novamente – cruzou para Willian – que entrou no lugar de Zé Roberto – que fez o gol da virada palmeirense.

Bruno Henrique ainda tentou o gol de empate, porém, foi parado por Fernando Prass e o juiz apitou o fim do jogo na Vila Belmiro.

Em uma noite em que os goleiros brilharam, o que aconteceu na Vila Belmiro foi incrível para os palmeirenses, afinal, desde 2011 não venciam o Santos na Baixada.

Com esse resultado, o Palmeiras abre oito pontos de vantagem para o Novo Horizontino, garante a vaga na próxima fase e se torna a melhor campanha do Paulistão 2017, até então. Já o Santos, continua fora da zona de classificação, com apenas 13 pontos e agora depende de resultados negativos de Ponte Preta e Mirassol para tentar a vaga.

O Santos entrará em campo novamente quarta-feira, em Sorocaba, contra o São Bento. O Palmeiras pega o Audax, também na quarta, no Palestra Itália.

BetWarrior


Poliesportiva


Marcella Azevedo
Marcella Azevedo
Marcella Azevedo, 22 anos, leonina, nascida no dia 17 de Agosto de 1994. Não tem frescura, quando o assunto é futebol, tanto que para ela o domingo perfeito é com amigos, futebol e cerveja. Completamente apaixonada, cursa Jornalismo com a inteção de ser uma Jornalista Esportiva e poder mostrar a todos como esse mundo é maravilhoso e que mulher entende de futebol sim. É daquelas mulheres que sempre está na rodinha dos homens na faculdade, comentando sobre o lance polêmico que rolou no final do semana. Daquelas que xinga muito ao ver um escanteio curto e que espera trazer várias novidades para vocês.

    Artigos Relacionados

    Topo