Em revanche da última final, Argentina vence Chile e Messi assiste do banco

Argentina é superior, domina a seleção do Chile e vence sem dificuldade, mesmo com a ausência do craque Messi, que está contundido. A cidade de Santa Clara (EUA) foi o palco do duelo entre os finalistas da última Copa América, na noite de segunda-feira (06). O atacante do Paris Saint Germain, Di Maria e Banega do Sevilla, marcam para a Argentina e Fuenzalida do Universidad Católica, desconta para o Chile.

Ao contrário da seleção brasileira, os Hermanos não precisaram de seu camisa 10 para vencer na estreia da Copa América Centenária, disputada nos Estados Unidos. Messi vê do banco seus companheiros dominarem a maior parte do jogo, abrirem 2 a 0 e sofrer 1 gol apenas nos acréscimos do segundo tempo.

Em comemoração de seu primeiro gol na competição e o primeiro da Argentina, Di Maria homenageia sua avó, que faleceu neste mesmo dia, com mensagem na camisa. O atacante é o principal nome da seleção, na ausência de Messi, não se mostrou intimidado e comandou a Argentina para a vitória, foi o craque do jogo.

Já o autor do outro gol, o meia Banega, brilhou na última Liga Europa pelo Sevilla, chegando até a final da competição e está de malas prontas para a Itália, seu destino será a Inter de Milão.

O resultado levou a Argentina a liderança do grupo D ao lado do Panamá. Já o Chile além da derrota, ganha de brinde o último lugar do grupo. Em contrapartida, é apenas a primeira rodada da competição, e em um grupo fraco, a seleção do Chile tem totais condições de terminar a frente do Panamá e Bolívia.

As duas seleções voltarão a entrar em campo na sexta-feira (10). Enquanto a Argentina enfrentará o Panamá, em Chicago, Chile e Bolívia buscarão seus primeiros pontos em Foxborough.

BetWarrior


Poliesportiva


Lucas Tavares
Lucas Tavares
Sou Lucas de Oliveira Tavares, tenho 24 anos. Natural de Santos, atualmente morando em Cubatão-SP.Sou formado em Relações Públicas e estou no 2º semestre de Jornalismo. Concluídos cursos de informática básica, línguas, na qual são inglês e espanhol. Amante do esporte e, principalmente, do futebol.

    Artigos Relacionados

    Topo