Em Portugal, Porto goleia e segue tranquilo na liderança

- Rivais Benfica e Sporting também vencem na rodada e ainda sonham com o título
Porto

O Porto segue seu caminho rumo ao título do Campeonato Português. Ao contrário da situação crítica na Liga dos Campeões, o Dragão está equilibrado e apresentando um bom futebol no nacional. Cinco pontos abaixo na tabela, Benfica e Sporting ainda não desistiram de alcançar o Porto. Saiba como foi a 24ª rodada da Liga Nos.

Liga NOS – 24ª RODADA

Sexta-feira – 23/02

Rio Ave 0 x 0 Desportivo de Aves

Única partida da sexta-feira, Rio Ave e Desportivo de Aves empataram por 0 a 0. O resultado manteve o Rio Ave em 5º, mas agora com o Desportivo de Chaves na cola. Já o Desportivo de Aves fica na 13ª posição com 22 pontos, 2 a mais que o Feirense, primeiro time da zona de rebaixamento.

Sábado – 24/02

Belenenses 1 x 0 Feirense

Terceiro time de Lisboa, o Belenenses conquistou uma importante vitória no confronto direto com o Feirense. Depois da terrível série de 12 jogos sem vencer, o técnico Silas exaltou o desempenho da equipe nos dois últimos jogos. Contra o Estoril na rodada passada e contra o Feirense nessa, treinador do Belenenses adotou o esquema 3-4-3 e venceu as partidas sem tomar gols. A vitória aumentou para 7 pontos a diferença entre as equipes. O Belenenses é 11º com 27 pontos. O Feirense segue na zona de rebaixamento com 20.

Marítimo 3 x 2 Vitória de Guimarães

Com um show de horrores da zaga do Vitória de Guimarães, o Marítimo venceu o alvinegro em casa por 3 a 2. Após 9 jogos, a equipe da casa fez as pazes com a torcida e conquistou a primeira vitória no ano. Aliviado, o técnico Daniel Ramos disse que o objetivo (vencer a partida) foi cumprindo. Em 8º com 33 pontos, o Marítimo está a 4 pontos do Rio Ave e ainda sonha com vaga na Liga Europa. O Vitória de Guimarães estaciona em 9º, com 29 pontos.

Paços de Ferreira 1 x 3 Benfica

O Benfica não teve vida fácil contra o Paços de Ferreira. Logo aos 9 minutos, o atacante brasileiro Luiz Phellype abriu o placar para a equipe da casa. Em chances claras de gol, o primeiro tempo foi equilibrado, mas terminou 1 a 0 para o Paços. Na segunda etapa, o Benfica voltou mais agressivo. Mas foi apenas aos 26 minutos de jogo que os Encarnados conseguiram o empate. Após erro na saída de bola do Paços de Ferreira, o Benfica retomou na intermediária e a jogada terminou com gol do brasileiro Jonas.

A partida permaneceu empatada até os 43 minutos do segundo tempo, quando Seferofic fez um belo passe pelo lado esquerdo de ataque e Jonas virou a partida. Aos 49 minutos, Rafa fechou a conta: 3 a 1. O Benfica chegou aos 59 pontos, a 5 do líder Porto. Na luta contra o rebaixamento, o Paços de Ferreira é 15º com 21. Destaque da partida, o brasileiro Jonas chegou a 30 gols na temporada e ainda sonha com uma vaga na Copa do Mundo.

Domingo – 25/02

Desportivo de Chaves 2 x 0 Estoril

Se a rodada foi boa para algum time nesse Campeonato Português, foi para o Desportivo de Chaves. Além de vencer o desesperado Estoril, o time viu o Rio Ave tropeçar em casa ainda na sexta-feira. A partida ainda teve um susto: o jogador Matheus Pereira, do Chaves, sofreu um traumatismo craniano e foi levado para o hospital. Ele já passa bem. Segundo o técnico Luís Castro, o Desportivo de Chaves deve continuar a pensar em vencer mesmo sem jogar tão bem, e não se preocupar com vaga na Liga Europa. Do lado do Estoril, o treinador Ivo Vieira disse que o time teve posse de bola, mas que ela não foi transformada em gols. O Chaves é 6º com 36 pontos e o Estoril é 16º com 21.

Portimonense 1 x 5 Porto

Com maioria esmagadora do estádio a seu favor, o Porto não tomou conhecimento do Portimonense e goleou a equipe da casa. Aos 9 minutos, o artilheiro Marega abriu o marcador. De goleador a garçom, Marega acionou o brasileiro Otávio ex-Internacional, que ampliou aos 16 minutos. Antes do intervalo, Marega anotou seu 21º gol no Campeonato Português após passe do uruguaio Maxi Pereira.

No início do segundo tempo, mais um gol brasileiro. Tiquinho Soares foi para as redes após passe do lateral Diogo Dalot. O Argelino Brahimi fechou a conta. No finzinho do jogo, o brasileiro Bruno Tabata, de apenas 20 anos, fez o gol de honra do time de Portimão. Com 64 pontos e uma boa vantagem na liderança (5 pontos), o Porto agora se prepara para o clássico contra o Sporting na próxima sexta-feira. Já o Portimonense, de olhos atentos à zona de rebaixamento, é 10º com 27 pontos, e entra em campo só na próxima segunda-feira, contra o Desportivo das Aves.

Boa Vista 4 x 0 Vitória de Setúbal

Confortável na tabela, o Boa Vista conquistou um belo resultado contra o Vitória de Setúbal. O destaque foi o jogador Yusupha, autor de dois gols no jogo. O Boa Vista é 7º com 33 pontos. O Vitória de Setúbal é 14º com 21.

Segunda-feira – 26/02

Braga 1 x 0 Tondela

Em um jogo difícil, o Braga venceu o Tondela por 1 a 0. O time visitante segurou o quarto time do país por 83 minutos, até o gol de Ricardo Horta. O técnico Pepa do Tondela ficou satisfeito com a exibição dos jogadores, mas lamentou o ponto perdido. Já o treinador Abel Ferreira destacou a força resistente do adversário e a importância da vitória. Verdadeiramente isolado na 4ª posição com 52 pontos, o Braga está 7 abaixo de Sporting e Benfica, e 15 pontos acima do Rio Ave. O Tondela é 12º com 25 pontos.

Sporting 1 x 0 Moreirense

O Sporting está gostando de passar por grandes emoções. Talvez a torcida não esteja tanto. Em mais um jogo complicado, dessa vez com o lanterna Moreirense, os Leões venceram na bacia das almas mais uma vez. Com vários desfalques por causa de gripe, Gelson Martins fez o gol da vitória. Expectativa total para o clássico contra o Porto na próxima sexta-feira. O Sporting segue em 3º com 59 pontos, 5 a menos que o Porto. Será uma partida de vida ou morte. O Moreirense segue na lanterna com 19 pontos.

[soccer-info id='4′ type='table' /]

Samuel Bonicontro

Sobre Samuel Bonicontro

Samuel Bonicontro já escreveu 32 posts nesse site..

Samuel Bonicontro, 21 anos, natural de Governador Valadares-MG, Cruzeirense, apaixonado por futebol desde a infância. Minha frase é: "Não existe ninguém no mundo que ame tanto futebol, e que ao mesmo tempo seja tão ruim com a bola nos pés!" Vejo o futebol de forma romântica, amo os clubes do interior, e valorizo a tradição e não o dinheiro. Há camisas enormes que não são valorizadas por não ter crescido financeiramente, pego exemplos de Bangu e América-RJ. O futebol foi a maior invenção da história da humanidade.

BetWarrior


Poliesportiva


Samuel Bonicontro
Samuel Bonicontro
Samuel Bonicontro, 21 anos, natural de Governador Valadares-MG, Cruzeirense, apaixonado por futebol desde a infância. Minha frase é: "Não existe ninguém no mundo que ame tanto futebol, e que ao mesmo tempo seja tão ruim com a bola nos pés!" Vejo o futebol de forma romântica, amo os clubes do interior, e valorizo a tradição e não o dinheiro. Há camisas enormes que não são valorizadas por não ter crescido financeiramente, pego exemplos de Bangu e América-RJ. O futebol foi a maior invenção da história da humanidade.

    Artigos Relacionados

    Comments are closed.

    Topo