A AFC Champions League conheceu seu primeiro finalista nesta terça-feira (22). Atuando na Arábia Saudita, o Al-Hilal foi derrotado pelo Al-Sadd, do Qatar, pelo placar de 4 x 2. Contudo, graças ao 4 x 1 no jogo de ida, os mandantes se classificaram e vão disputar a finalíssima da competição continental. A equipe comandada pelo espanhol Xavi chegou a ficar a um gol de levar a decisão para os pênaltis, mas não conseguiu segurar o ataque rival e não havia mais tempo para marcar mais tentos.

1º tempo

A etapa inicial foi eletrizante. Mesmo com uma grande vantagem, a equipe da casa se lançou ao ataque e, depois de algumas oportunidades, conseguiu abrir o placar. Aos 12′, a zaga afastou mal e a bola sobrou para Salem Al-Dawsari, livre, dominar e mandar para o gol sem chances para o goleiro. Todavia, apenas dois minutos mais tarde, o árbitro marcou um pênalti para o Al-Sadd. Akram Afif converteu a cobrança e empatou a partida. O tento animou os visitante, tanto que, aos 18′, os mesmo viraram o marcador.

Em uma bela jogada, Hassan Al-Haidos ajeitou para o sul-coreano Nam Tae-Hee, que bateu no contrapé do arqueiro e saiu para o abraço. Mas a blitz não parou por aí. Aos 19′, no lance seguinte, Hassan Al-Haidos ficou com sobra na cara do gol e marcou o terceiro da equipe do Qatar. Faltava apenas mais um para devolverem o placar do jogo da ida, porém, aos 24′, o artilheiro francês Bafétimbi Gomis recebeu um belo lançamento e bateu de primeira para diminuir a vantagem dos rivais.

https://twitter.com/TheAFCCL/status/1186689896624332800

2º tempo

Os 45 minutos restantes não foram tão emocionantes como os iniciais. Ambas equipes atacavam, mas sem muito perigo. Quem mais assustava era o Al-Sadd, que via como possível uma reação. Ademais, a pontaria não estava calibrada como antes, já que a maioria dos chutes passavam perto, porém, sem irem na direção do gol. Dos 40′ minutos em diante, isso mudou. O português Ró-Ró, aos 42′, obrigou Abdullah Al-Mayouf a fazer uma grande defesa para impedir o quarto gol. O luso voltou a assustar já nos acréscimos, contudo, foi travado pela zaga e ganhou escanteio. Na cobrança, aos 48′, Boualem Khoukhi subiu mais alto que a defesa e conseguiu marcar. A reação acabou por aí, com o Al-Hilal passando de fase com 6 x 5 no agregado.

E agora?

O Al-Hilal avança mais uma vez a final da AFC Champions League. Se adversário sairá do confronto entre Guangzhou Evergrande e Urawa Reds, nesta quarta-feira (23). O primeiro jogo da finalíssima será com mando do time saudita, no dia 9/11.

Melhores momentos

Foto destaque: Divulgação/AlHilal Saudi Club

Avatar
Leonardo Abrahão
Leonardo Abrahão, 20 anos, paulistano e estudante de jornalismo na Universidade Nove de Julho. Redator do Futebol na Veia desde 2019, cobrindo futebol italiano, asiático e brasileiro.

Artigos Relacionados