Em festival de pênaltis perdidos, Guarani se classifica para a semifinal do Troféu do Interior

- Goleiro Jefferson Paulino defende quatro pênaltis e garante classificação do bugre para as semifinais

Em um duelo ‘franco' e disputadíssimo nesta tarde de quarta-feira (29) fria em São Paulo, Guarani e Ituano se enfrentaram pelas quartas de final do Troféu do Interior, no estádio Prefeito José Liberatti, em Osasco. Como resultado, após empate no tempo regulamentar e uma longa e curiosa disputa por pênaltis, foi possível conhecer o segundo semifinalista do torneio, o Guarani. Dessa forma, o sonho bugrino de voltar ao protagonismo do futebol nacional continua vivo. Enquanto isso, o Galo de Itu concentrará todas as energias, visando o início da Série C do Campeonato Brasileiro.

1º TEMPO

Antes de mais nada, os momentos que antecederam ao início da partida foram de extremo nervosismo. Isso porque ambas as equipes foram ‘premiadas' com desfalques em cima da hora do jogo. Pelo lado do Ituano, a ausência confirmada foi do volante e principal jogador do time, o veterano Corrêa. Já pelos lados alviverde, o desfalque foi do centroavante Rafael Costa, que vinha sendo peça fundamental do setor ofensivo ao lado de Junior Todinho.

Pois bem, o jogo começou a todo vapor. Logo aos cinco minutos de jogo, o atacante Waguininho abriu o placar para os Bugrinos após bela jogada de Eduardo Person. A partir daí, foi possível notar um enorme nervosismo por parte dos visitantes. Assim, erros de passe e jogadas forçadas se mantiveram durante todo o primeiro tempo, sem oferecer qualquer problema para o goleiro Jefferson Paulino.

https://twitter.com/oficialguarani/status/1288579152996696065

2º TEMPO

A fim de correr atrás do resultado, o Ituano foi ataque do início ao fim na segunda etapa. Foi através das laterais que os visitantes conseguiram incomodar a defesa alviverde e comandar as ações até o fim da partida. Após insistentes tentativas de cruzamentos aéreos e rasteiros, foi em jogada de escanteio que a bola sobrou para o talismã e jovem revelação de 19 anos, Gabriel Barros, empatar o jogo, colocando o Galo de volta no jogo. E embora o time de Itu ainda tenha pressionado em busca do gol de desempate, o placar não mudou, levando a decisão da vaga para as penalidades máximas.

 

DISPUTA DE PÊNALTIS

O que vimos em Osasco nesta tarde foi algo surreal. Pois foi necessário que acontecesse 30 batidas de pênaltis até que pudéssemos conhecer o segundo semifinalista do Troféu do Interior. Destaque para os goleiros Pegorari e Jefferson, que além de defenderem as penalidades, marcaram dois gols cada durante as cobranças. Melhor para o goleiro Bugrino, que após defender quatro cobranças, viu a classificação acontecer nos pés de Elias Carioca.

TROFÉU DO INTERIOR – COMO FICA ?

O Guarani aguarda a definição dos quatro semifinalistas para conhecer o adversário. A Inter de Limeira e o Botafogo-SP também estão classificados. O outro semifinalista será o melhor time do interior que acabar eliminado das quartas do Paulistão.

Foto Destaque: Divulgação/Guarani

Lucas Bertuzzi
Lucas Bertuzzi
Tenho 25 anos e estou no 7º semestre do curso de Jornalismo na faculdade São Judas Tadeu. Minha facilidade ao falar em público e principalmente minha paixão pelo esporte, em especial o futebol. Me fizeram ingressar na comunicação social, com um só intuito: ser repórter esportivo.

Artigos Relacionados

Topo