Nesta quarta-feira (31), o São Paulo apresentou o atacante Eder, de 34 anos. Em suma, o jogador nasceu no Brasil, mas preferiu defender a Seleção Italiana. Dessa maneira, em sua apresentação, o novo camisa 23 do clube paulista revelou a escola pela Squadra Azzura.

“A primeira vez em que fui convocado foi em 2015, já tinha dez anos de Itália. Fiz uma escola na Itália. Me sentia, como jogador, muito mais italiano, na parte de tática, pelo que aprendi nesses dez anos. Quando eu tive a chamada com Antonio Conte, falei pra ele que não teria problema. Aceitaria. Não é uma seleção qualquer. Por tudo o que vivi na Itália, me via mais adaptado àquele estilo de jogo”, afirmou Eder.

EDER NA ITÁLIA

Logo depois de ser revelado pelo Criciúma, Éder desembarcou na Itália para defender as cores do Empoli. Dessa maneira, em sua primeira temporada já foi destaque anotando 27 gols em 42 partidas na Série B.

Em seguida, foi contratado pelo Brescia e Cesena, mas sem grande brilho. Então, partiu para Sampdoria onde deslanchou na carreira. Assim, com a camisa da Samp teve 136 partidas e 49 gols anotados em quatro temporadas no clube. Desse modo, chamou a atenção da Seleção Italiana e foi naturalizado em 2015.

Enfim, contratado pela Inter de Milão em 2016, último clube na Europa e por lá, ficou dois anos e com toda sua trajetória na Itália chegou a marca de 9º brasileiro com mais gols na Série A Tim. Em 245 jogos anotou 60 gols e está na frente de grandes nomes como Ronaldo, Amoroso, Robinho e Alexandre Pato.

Agora, o jogador aguarda o retorno do Campeonato Paulista para fazer sua estreia no São Paulo. Em suma, o Governo do Estado de São Paulo proibiu a prática de esportes até 11 de abril.

Veja mais do São Paulo 

Foto Destaque: Divulgação/AFP

Avatar
Alexsander Vieira
Quando pequeno, pensava em trabalhar com o futebol, como jogador. Por situações não harmoniosas esse sonho se dissolveu, porém achei outra maneira de continuar no esporte. Foi com as mãos que decidi trabalhar, informar minha nação com os melhores acontecimentos, e sempre ter credibilidade no que passo à frente. Obs: 3 x 0 não é goleada.
http://www.radioprado.com.br

Deixe uma resposta