Diniz da voto de confiança a Igor Gomes e Vitor Bueno

- Treinador rasgou elogios para a dupla e disse que ambos vão melhorar
diniz

Após uma excelente vitória do São Paulo na última quarta-feira (7), contra o Atlético-GO, Fernando Diniz voltou a respirar no comando time. Com gols dois Brenner e um de Gabriel Sara, os paulistas venceram e convenceram. Entretanto, Igor Gomes e Vítor Bueno não conseguiram desempenhar um bom futebol, algo que tem sido frequente ultimamente.

 

Para o time de Fernando Diniz, ambos são importantíssimos. O Vítor Bueno tem jogado com frequência pelo lado direito do ataque tricolor desde o ano passado. Já o Igor Gomes, se mostrou muito bem quando esteve na sua melhor forma. E segundo o treinador, ambos são titulares da equipe.

“Eles são muito importantes para uma equipe, tanto é que são titulares. foram muito decisivos no ano passado e também foram decisivos antes da pandemia.”, citou Diniz.

O treinador também entende que os dois atletas não estão em um bom momento. No entanto, Diniz acredita nos dois e na qualidade técnica que têm.

“Todo mundo oscila, com momentos bons e ruins. Os dois estão trabalhando muito, são jogadores que têm minha confiança. Neste momento, vivem certa irregularidade, mas acredito muitos nos dois. São jogadores muito técnicos, que conhecem bastante o sistema que a gente joga. A gente aposta que eles vão melhorar cada vez mais”, falou o técnico.

Igor Gomes vem jogando de titular desde o empate contra o Santos. De lá pra cá, o meia não vem tendo muito brilho nos jogos, mas segundo Diniz, ele é peça importante para a equipe. Por outro lado, Vítor Bueno perdeu alguns jogos após a parada por conta de dores no adutor da coxa esquerda. Entretanto, quando foi acionado, não foi bem. Na partida contra o Atlético-GO, Vítor jogou centralizado, porém não surtiu efeito.

Foto destaque: Reprodução/Rubens Chiri/São Paulo

 

Gustavo Oliveira

Sobre Gustavo Oliveira

Gustavo Oliveira já escreveu 66 posts nesse site..

Bom, eu escolhi jornalismo pois quero estar cada vez mais perto do esporte e também por querer ter uma certa relevância e poder, através do esporte, influenciar pessoas a fazerem o bem. Além disso, acho prazeroso fazer qualquer coisa que esteja ligada com o esporte e o jornalismo me proporciona isso.

BetWarrior


Poliesportiva


Gustavo Oliveira
Gustavo Oliveira
Bom, eu escolhi jornalismo pois quero estar cada vez mais perto do esporte e também por querer ter uma certa relevância e poder, através do esporte, influenciar pessoas a fazerem o bem. Além disso, acho prazeroso fazer qualquer coisa que esteja ligada com o esporte e o jornalismo me proporciona isso.

    Artigos Relacionados

    Topo