Na Espanha, Diego Costa é condenado a seis meses de prisão

Na quinta-feira (4), em audiência na cidade de Madri, Diego Costa se declarou culpado de sonegação fiscal em 2014. Naquele ano, o atacante deixou o e assinou contrato com o Chelsea. Com isso, recebeu 800 mil euros da Adidas, fornecedora de material esportivo, entretanto, o atleta não declarou o valor corretamente ao sair de solos espanhóis. Além disso, o jogador também não teria declarado outros valores ganhos desde 2013.

Sendo assim, ao todo, a quantia chegaria a mais de 1 milhão de euros. Diante disso, por fraude fiscal, o atacante hispano-brasileiro foi condenado a seis meses de prisão. Entretanto, chegou a um acordo com a Fazenda da Espanha e, assim, pagará de multa de 543 mil euros (mais de R$ 3 milhões na cotação atual). Somado a isso, Diego também quitará o restante da dívida. Em suma, em 2017, chegou a pagar cerca de 1,5 milhão de euros. Por fim, de acordo com o Marca, o Atlético de Madrid teria adiantado o pagamento do atacante para que pudesse abater seu débito com a Fazenda.

Carreira de Diego Costa

Nascido em Lagarto, interior de Sergipe, Diego começou no Barcelona Esportivo de Capela, de São Paulo, em 2004. Posteriormente, foi vendido ao Sporting Clube Braga, de Portugal. Sem ainda jogar pela equipe, foi emprestado ao também português Penafiel. Foi negociado com o Atlético de Madrid em 10 de julho de 2007. Entretanto, ainda sem espaço na equipe, foi emprestado a outros cinco times espanhóis. Diego Costa retornou ao Atleti somente na temporada de 2010/11, quando participou de 38 jogos e marcou oito gols.

Em seguida, foi emprestado ao Rayo Vallecano e, mais tarde, voltou a sua equipe. Na temporada de 2013/14, quando se destacou marcando 37 vezes em 52 partidas, foi vendido ao Chelsea, da Inglaterra. Em solos ingleses, em três temporadas, participou de 120 duelos e balançou as redes em 59 oportunidades. Contudo, voltou a Madri em 3 de janeiro de 2018, quando fez sua reestreia pelos Rojiblancos. Em suma, o atacante possui 197 partidas e 79 jogos pelo clube espanhol. Costa também tem passagens pela Seleção da Espanha.

Foto destaque: Reprodução/Sergio Perez/Reuters

Danyela Freitas
Sou goianiense, graduada em Letras pela Universidade Federal de Goiás (UFG), pós-graduada em Jornalismo Esportivo pela Estácio-SP e tenho três grandes paixões: a escrita, a leitura e o esporte (não necessariamente nessa ordem).

Artigos Relacionados