Diego Cavalieri lamenta mais uma derrota e momento negativo do Botafogo

- Time perdeu para o Fortaleza e segue com 20 pontos na zona da degola do Brasileirão
Diego Cavalieri

No último domingo (24), o Botafogo somou mais uma derrota na Série A do Brasileiro de 2020. A saber, enfrentou o Fortaleza, no Nilton Santos, e perdeu por 1 x 2 pela 22ª rodada do torneio. O resultado agravou ainda mais a situação do time que somou a 3ª derrota seguida e é a vice-lanterna com 20 pontos. Após o jogo, o goleiro Diego Cavalieri disse que a situação “é muita delicada”, mas ressaltou que a equipe precisa “trabalhar”, para revertê-la.

DIEGO CAVALIERI

“A gente tem que trabalhar. É difícil porque a gente vem fazendo jogos até regulares. Às vezes, a coisa desanda, a gente toma um gol e acaba se perdendo um pouco. Difícil explicar o que acontece. O jogo estava equilibrado, tomamos um gol, logo depois tomamos outro. Tivemos força para tentar, buscar, fizemos um gol, mas é trabalhar. Situação é muito delicada, temos que ter a consciência. Trabalhar firme, forte e buscar uma sequência de vitórias porque é só isso que vai tirar a gente dessa situação”.

 

RESUMO DO JOGO

O Botafogo teve muita dificuldade diante da marcação do Fortaleza, do técnico Marcelo Chamusca. Por outro lado, o Tricolor do Pici  foi cirúrgico nas chances que teve e ganhou com os gols dos atacantes Bergson e David, no 2º tempo.

Ademais, o único destaque individual do Fogão foi o dianteiro Warley que entrou no final e diminui a vantagem adversária Por fim, depois o duelo ficou truncado e houveram muitas faltas e reclamações de jogadores dos dois times.

Segundo o site FogãoNet, o Botafogo precisa ganhar oito partidas em 17 jogos se quiser permanecer na elite. Contudo, a tarefa não será fácil pois, nos últimos 40, saiu vitorioso em justamente oito. Para mais, em 21 jogos tem aproveitamento de 31,7% com 3 vitórias, 11 empates e 7 derrotas, além de 21 gols marcados e 27 sofridos. Por fim, na próxima quarta-feira (23) enfrentará o o líder Atlético-MG às 21h30 (horário de Brasília), em Belo Horizonte.

Foto Destaque: Reprodução/André Durão

Shelton Melo
Shelton Melo
Shelton Machado, 21 anos, alagoano e acadêmico de Jornalismo na Universidade Federal de Alagoas (Ufal). Torcedor do Palmeiras e amante da língua Inglesa.

Artigos Relacionados

Topo