Dida volta ao Milan como treinador de goleiros

Após 10 anos, o ex-goleiro, de 46 anos, . O brasileiro, que brilhou pela equipe rossonera entre os anos de 1999 e 2010, retorna ao clube onde disputou 302 jogos e conquistou oito títulos. Assim, o destaque vai para as duas Liga dos Campeões conquistadas nas temporadas de 2002/2003 e 2006/2007.

O ex-jogador Dida volta ao único clube em que atuou pela Europa. Assim, grande parte de sua carreira foi no futebol brasileiro, onde foi revelado pelo Vitória, da Bahia. O agora integrante da comissão técnica rossonera também jogou pelo Cruzeiro, Corinthians, Portuguesa, e os dois grandes rivais do Rio Grande do Sul, Grêmio e Internacional. Assim, a camisa colorada foi sua última e se aposentou em 2016.

Pela Seleção Brasileira, o ex-goleiro também foi destaque com 92 jogos, disputados entre os anos de 1995 e 2006. Assim, o goleiro fez parte de três Copas do Mundo, incluindo a de 2002, onde o Brasil foi o campeão. Dida também conquistou a Copa América de 1999 e a Copa das Confederações de 2005 pela Amarelinha.

O ex-jogador também recebeu prêmios individuais pela sua carreira devido ao seu desempenho. Destaque para o prêmio de melhor goleiro do Campeonato Italiano da temporada 2003/2004. Também foi eleito o 3º e o 2º melhor goleiro do mundo pela IFFHS (Federação Internacional de História e Estatísticas do Futebol) nos anos de 2004 e 2005, respectivamente.

Foto destaque: Reprodução/Tony Gentile/Lance!

Gabriel Macedo
Meu nome é Gabriel, tenho 20 anos e sou estudante de jornalismo. Escolhi jornalismo com o objetivo de realizar o meu sonho de poder trabalhar falando sobre futebol, uma das coisas que eu mais amo acompanhar.

Artigos Relacionados