Dicas para o Cartola FC (Foto: Divulgação / Globo)

Fala, Cartoleiros! O Cartola FC chega para sua 15ª rodada no Campeonato Brasileiro da Série A 2020. Assim, em mais uma rodada de final de semana, Atlético-MG e Internacional são os favoritos naturais. Isso porque, jogam em casa e contra equipes que brigam para não cair na competição. No entanto, a boa fase do Flamengo credita a equipe para pontar bem mesmo diante do clássico contra o Vasco.

DICAS PARA A 15ª RODADA DO CARTOLA FC

GOLEIROS

JEAN (ATG) – Pega o RB Bragantino, que não tem um ataque eficaz. Sendo assim, é uma boa oportunidade para não sofrer gols. Além disso, Jean começou a bater falta, que é um atrativo a mais em relação ao guarda-redes.

EVERSON (CAM) – O Atlético-MG vem de derrota. Dessa maneira, perder outra está fora de cogitação para o time de Sampaoli. O adversário da vez é o Goiás, que oscila muito na competição e teoricamente não será um problema para o time da casa. Observando isso, as chances de não sofrer gol do galo são boas e vale a pena arriscar.

WILSON (CTB) – 16 defesas difíceis e um pênalti defendido. Mesmo com o Coritiba não andando bem na competição, Wilson vem se destacando e é uma boa opção.

https://twitter.com/fnvbr/status/1314920937284939777?s=20

LATERAIS

PATRIC (SPT) – O lateral tem ótimo apoio no ataque, já conta com duas assistências e um gol. Enfrenta o Botafogo, na qual deve ser um jogo duro, com poucos gols. Dessa forma, o Sport tem boas chances de vencer e não sofrer gol.

MARCOS ROCHA (PAL) – Habilidade não falta para o lateral-direito. Em oito jogos realizou 20 desarmes. Ainda não marcou, mas sempre chega bem ao ataque. Ademais, o histórico de confronto contra o São Paulo em casa é amplamente favorável, tornando-se um boa opção nessa rodada.

WILLIAM MATHEUS (CTB)William Matheus vem jogando bem, tem um gol e duas assistências. Mesmo com o Coritiba lá embaixo, semelhante ao goleiro Wilson, o lateral vem se destacando. Dessa forma, é uma aposta para essa rodada.

ZAGUEIROS

VICTOR CUESTA (INT) – Dos 13 jogos disputados, em sete, Victor Cuesta saiu sem sofrer gols. Além disso, soma 20 desarmes e é uma das peças essências do Internacional.

RÉVER (CAM) -Por enfrentar o Goiás em casa, o Atlético-MG tem boas chances de não sofrer gols. Sendo assim, Réver é uma boa opção para essa rodada. Ademais, o zagueiro já marcou um gol nessa competição.

FELIPE MELO (PAL) – Normalmente em clássicos Felipe Melo joga mais do que o normal. Raça e determinação dobra, por isso entra como uma boa opção para essa rodada. Além disso, o São Paulo nunca venceu no Allianz Parque.

https://twitter.com/fnvbr/status/1314924048879702017?s=20

MEIAS

THIAGO GALHARDO (INT) – Não tem como deixar de fora o melhor jogador do Cartola FC 2020. Assim, Thiago Galhardo é o dono do ataque do Internacional, que recebe o frágil Athletico-PR. Se tem gol do Colorado, com certeza o meia-atacante participou da jogada. Logo, com média de 10 pontos e atuando em casa, onde tem média de 12 pontos, o jogador é ótima opção inclusive para capitão. No entanto, está valorizado e pode render a perda de cartoletas.

VINICIUS (CEA) – Talvez, o melhor jogador do Ceará, Vinicius já marcou seis gols e deu duas assistências em 10 partidas. Além disso, com média de 6.43 pontos em seus domínios tem tudo para mitar mais uma vez, já que o Vozão recebe o instável Corinthians.

RAPHAEL VEIGA (PAL) – A bem da verdade, o Palmeiras encara um clássico no Choque-Rei paulista contra o São Paulo. No entanto, desde que Raphael Veiga entrou no time titular, o clube cresceu na temporada, vindo de classificação na Libertadores e de gols. Assim, atuando no Allianz Parque, o meia fez um jogo e marcou 10 pontos com um gol. Dessa forma, contra um adversário pressionado, é de se esperar um desempenho semelhante.

https://twitter.com/fnvbr/status/1314924974638010368?s=20

ATACANTES

KENO (CAM) – Sensação das últimas rodadas após dois hat-tricks seguidos, Keno negativou na última exibição. No entanto, diante do Goiás, o Atlético-MG deve voltar a impor seu ritmo de jogo intenso e agressivo durante os 90 minutos. Assim, havendo intensidade no ataque, naturalmente, a bola passará pelos mãos de Kenaldinho. Logo, com média de 8.93 como mandante, o atacante é excelente nome para pontuação e valorização.

PEDRO (FLA) – Talvez, o melhor centroavante em atividade no Brasil, Pedro está aproveitando muito bem a oportunidade com a lesão de Gabigol no Flamengo. Pois, com seis gols nos últimos cinco jogos e enfrentando um Vasco sem técnico, após a demissão de Ramon Menezes, é esperado mais gols do atacante. Além disso, na última vez que atuou fora de casa, o jogador deixou 20 pontos no Cartola FC.

BRUNO HENRIQUE (FLA) – Sim, vamos dobrar o ataque do Flamengo. Naturalmente, esta vaga seria preenchida por Marinho, mas o atacante saiu dos prováveis. Assim, com Bruno Henrique voltando a ser o mito de 2019 e servindo Pedro com duas assistências contra o Sport, a tendência é repetir a atuação do segundo tempo. No entanto, como visitante, BH ainda não mitou na temporada, apesar de já ter deixado seus quatro pontos sem gols.

TÉCNICOS

JORGE SAMPOLI (CAM) – Como os técnicos são os espelhos de seus times, Jorge Sampaoli volta a ser nossa aposta para a rodada. Isso porque, mesmo sofrendo gols, o estilo de jogo intenso e que busca sempre o gol rende muitos pontos pela alta produção ofensiva. Assim, enfrentando o lanterna da competição, a tendência de goleada do Atlético-MG e seu técnico tem média de 6.09 como mandante.

DOMENEC TORRENT (FLA) – Por incrível que pareça, Domenec Torrent tem melhor média como visitante do que atuando no Maracanã. Assim, mesmo encarando um clássico contra o Vasco, o Flamengo tem grande potencial de deixar o campo com os três pontos diante da fase oposta que vive as duas equipes. Além disso, por dois momentos, mesmo com placar mínimo, o técnico marcou pelo menos cinco pontos.

EDUARDO COUDET (INT) – Enquanto que o Internacional vinha de uma maré de derrotas e de quedas frequentes para o Grêmio, mas o empate frente o rival e a vitória diante do RB Bragantino aliviaram a pressão. Agora, encarando o instável Athletico-PR, no Beira Rio, o Colorado tem tudo para não sofrer gols e de emendar uma sequência de resultados positivos.

Foto Destaque: Divulgação / Globo

Ricardo do Amaral
"Alvíssaras! Sou Ricardo Accioly Filho, pernambucano de 27 anos, advogado e estudante de jornalismo pela Uninassau. Tenho como mote que “no futebol, nunca serão apenas 11 contra 11”; é arte, é espetáculo, humanismo, tem poder de mover multidões e permitir ascensões sociais. Como paixão nacional do brasileiro, o futebol me acompanha desde cedo, entretanto como nunca tive habilidade para praticá-lo, busquei associar duas vertentes de minha vida: o prazer pela leitura e o esporte bretão. Foi nesse diapasão que encontrei no jornalismo esportivo o elo de ligação que me leva a difundir e informar o que, nas palavras de Steven Spielberg, é o “mais belo espetáculo de imagens que já vi”."

Artigos Relacionados