Dez jovens motivos para assistir a Euro 2016

Faltando um dia para o início da maior competição entre seleções depois da Copa do Mundo, fica a expectativa não só para saber quem será o campeão, mas também para a exibição de um futebol de alto nível; e, pra isso, nada melhor do que acompanhar o crescimento de jovens promessas do futebol mundial. Já bem conhecidos nos campeonatos nacionais em que jogam, alguns desses jogadores vêem na Euro 2016 a oportunidade para ingressar, de vez, no cenário internacional.

10. Renato Sanches
Seleção:
Portugal
Idade: 18 anos
Clube: Bayern de Munique
Posição: Meia
Sobre: Após jogar a temporada 2015/2016 como titular no Benfica, a jovem promessa portuguesa foi comprada pelo clube alemão por 35 milhões de Euros que, caso atinja alguns objetivos estipulados em contrato, podem ser tornar 80 milhões. Sua principal característica é a combinação de força física e eficiência com a bola no pé, sendo um ótimo passador e arrematador de média distância.

9. Julian Weigl
Seleção:
Alemanha
Idade:
20 anos
Clube:
Borussia Dortmund
Posição:
Volante
Sobre:
Formado nas bases do Munique 1860 – onde atuou como o capitão mais jovem da história do clube – o garoto foi escolhido a dedo pelo técnico Thomas Tuchel, e não decepcionou. Vem se afirmando cada vez mais na equipe aurinegra, dando fluidez à saída de bola com passes seguros e precisos e já soma 51 partidas com a camisa do Borussia. Um ótimo negócio para a equipe alemã, que desembolsou “apenas” 2,5 milhões de Euros para contar com Weigl.

8. Hakan Çalhanoglu
Seleção:
Turquia
Idade:
22 anos
Clube:
Bayer Leverkusen
Posição:
Meia-atacante
Sobre: Chegou na equipe alemã em julho de 2014, em uma transferência avaliada em  14,5 milhões de Euros. O jogador nasceu em Mannheim, na Alemanha, mas escolheu defender a Turquia em partidas internacionais, já que sua família é de origem turca. Çalhanoglu é conhecido pelas suas cobranças de faltas espetaculares (https://www.youtube.com/watch?v=HQdVlzKVezo) e diz se inspirar no meia brasileiro Juninho Pernambucano.

7. Bramadele “Dele” Alli
Seleção:
Inglaterra
Idade:
20 anos
Clube:
Tottenham Hotspur
Posição:
Meia
Sobre:
Após chegar ao clube inglês no começo de 2015 sem muito alarde (foi negociado por 5 Milhões de Libras junto ao MK Dons), o meia fez uma ótima temporada com a camisa dos Spurs e vê na Euro 2016 sua chance de ouro. Seu estilo de jogo é definido pelo termo “box-to-box” : um atleta capaz de buscar a bola entre os zagueiros e fazê-la chegar com qualidade ao ataque. Além disso, possui as características que o treinador Mauricio Pochettino gosta: juventude, vigor e disciplina tática para se adaptar a varios estilos de jogo.

6. Héctor Bellerín
Seleção:
Espanha
Idade:
21 anos
Clube:
Arsenal
Posição:
Lateral direito
Sobre:
Criado nas categorias de base do Barcelona, conhecida como “La Masia”, Bellerín foi oferecido ao Arsenal pelo time catalão como parte da negociação por Cesc Fábregas, em 2011. Emprestado ao Watford na temporada 2013/2014, o jovem lateral entrou na vaga do lesionado Debuchy, na temporada 2014/2015 e se afirmou como titular. Se destaca pela sua velocidade e pela qualidade ofensiva – antes atuava como ponta. Defensivamente, apresenta eficiência nos desarmes.

5. Yannick Ferreira Carrasco
Seleção:
Bélgica
Idade:
22 anos
Clube:
Atlético de Madrid
Posição:
Ponta
Sobre:
Contratado no início de 2015 junto ao Mônaco pelo valor de 15 milhões de Euros, o atacante atraiu Diego Simeone pela velocidade que consegue imprimir ao ataque. Fez 31 jogos pelo time de Madrid e marcou 4 gols, sendo um deles na final da Champions League deste ano, na derrota para o maior rival, Real Madrid, nos pênaltis.

4. Marcus Rashford
Seleção:
Inglaterra
Idade:
18 anos
Clube:
Manchester United
Posição:
Atacante
Sobre:
Prata da casa dos Red Devils, o jovem atacante teve uma ascensão meteórica na carreira. Estreou em 2016 por partida válida pela Liga Europa na qual entrou e fez 2 gols, sendo o nome da vitória por 5×1 sobre o Midtjylland e, de quebra, se tornou o jogador mais jovem a marcar pela equipe numa competição europeia. Sua estréia na Premiere League foi no clássico contra o Arsenal e, de novo, chamou as atenções: marcou 2 gols na vitória por 3×2 e se tornou o mais jovem atleta a marcar na primeira divisão inglesa. Pela seleção, Rashford entrou pra história ao se tornar o mais jovem jogador a marcar em sua estréia, na vitória por 2×1 contra a Australia. Detalhe: precisou de apenas 138 segundos pra tal feito. Possui como características principais explosão, movimentação e poder de conclusão.

3. Julian Draxler
Seleção:
Alemanha
Idade:
22 anos
Clube:
Wolfsburg
Posição:
Meia-atacante
Sobre:
Iniciou sua carreira no Schalke 04, onde, em 2011, se tornou o quarto mais jovem jogador a entrar em campo pela Bundesliga – na época tinha apenas 17 anos. Seu primeiro gol como profissional foi decisivo: garantiu a classificação do seu time na Copa da Alemanha contra o Nuremberg após entrar na prorrogação e marcar nos minutos finais. Se transferiu para o Wolfsburg em agosto de 2015 pelo valor de 35 milhões de Euros, onde atuou 31 vezes e marcou 8 gols. No seu currículo, também, pode-se colocar a Copa do Mundo de 2014. Possui um alto poder de finalização a média distância e consegue se comportar bem taticamente em qualquer esquema.

2.Anthony Martial
Seleção:
França
Idade:
20 anos
Clube:
Manchester United
Posição:
Atacante
Sobre:
Criado nas categorias de base do Lyon, o atacante dez apenas 4 partidas pela equipe profissional e logo se transferiu para o Mônaco, em 2013. Após marcar 15 gols, o Manchester United anunciou sua contratação para a temporada 2015/2016 por 49 milhões de Euros; chegou e marcou logo na estréia, contra o rival Liverpool. Nos bastidores, é comparado com a lenda Thierry Henry, tanto pelos passos que seguiu quanto pela sua característica em campo: velocidade, drible e finalização. Foi eleito em 2015 o melhor jogador com menos de 21 anos.

1. Kingsley Coman
Seleção:
França
Idade:
19 anos
Clube:
Bayern de Munique
Posição:
Meia-atacante
Sobre:
Emprestado pela Juventus para a equipe alemã por duas temporadas e pelo valor de 7 milhões de Euros, o jogador foi requisitado por Pep Guardiola pela sua velocidade, presença no ataque, habilidade com a bola no pé e disciplina tática. Seu valor de compra, após o término do empréstimo, ficou estabelecido em 21 milhões de Euros. Com 23 partidas disputadas pelo Bayern e 4 gols, Coman marcou o seu primeiro tento no seu jogo de estréia como titular, contra o SV Darmstadt 98.

Gabriel Cury

Sobre Gabriel Cury

Gabriel Cury já escreveu 9 posts nesse site..

Um estudante de jornalismo que ama esporte. Apaixonado por futebol, está sempre atrás de informações que envolvem este esporte tão fascinante. Futuro jornalista esportivo.

BetWarrior


Poliesportiva


Gabriel Cury
Gabriel Cury
Um estudante de jornalismo que ama esporte. Apaixonado por futebol, está sempre atrás de informações que envolvem este esporte tão fascinante. Futuro jornalista esportivo.

    Artigos Relacionados

    Comments are closed.

    Topo