Lucas Canteiro é destaque do Portimonense na Liga NOS (Foto; Divulgação / Portimonense)

Devido a pandemia do Covid-19, a Copa São Paulo de Futebol Júnior deste ano foi cancelada. Logo, o maior torneio de base do mundo revela anualmente grandes talentos do futebol brasileiro, em 2019, Lucas Canteiro se apresentava ao Brasil no torneio. Assim, apesar da curta campanha do Londrina, eliminado na segunda fase nos pênaltis pelo Fluminense, o meia se destacou, anotando seis gols em apenas quatro partidas.

Foi uma competição muito importante, disputei duas copinhas (jogou uma partida em 2018), sei da dimensão que tem e da visibilidade que trás. Pude aproveitar as oportunidades que tive e por isso cheguei ao profissional do Londrina com apenas 18 anos.” – contou.

OPORTUNIDADE NO PORTIMONENSE

Após as grandes atuações na Copinha, Luquinha se tornou uma das principais peças da equipe principal do Tubarão e logo despertou interesse do Portimonense. Assim, apesar da difícil primeira temporada no Velho Continente, quando atuou em apenas um jogo do profissional, a atual vem servindo como consolidação para o meia. Pois, atuou nas últimas seis partidas, sendo titular em quatro delas.

O primeiro ano foi um pouco difícil, porque eu não esperava (não ter sequência no profissional). Vinha de uma ascensão muito grande, cheguei aqui fiz uma boa pré-temporada e achei que jogaria, mas sempre continuei trabalhando, me dedicando, pois sabia que uma hora a chance ia chegar e teria que aproveitar.” – revelou.

Na vitória por 2 x 0 no clássico diante do Farense, na última segunda-feira (4), Luquinha coroou mais uma sólida atuação. Isso porque, o meia deu uma bela assistência para o primeiro gol dos Alvinegros.

É muito importante receber essa sequência e confiança que o mister tem me passado, e eu estar conseguindo retribuir dentro de campo também me deixa muito feliz. Nossa equipe vem melhorando e espero que a gente continue nessa pegada.” – disse.

Dessa forma, na 14ª posição da Primeira Liga, o Portimonense volta à campo às 16h (horário de Brasília) da próxima sexta-feira (8). Assim, os Marafados enfrentam o Rio Ave, pela 13ª rodada da competição.

Foto Destaque: Divulgação / Portimonense

Ricardo do Amaral
"Alvíssaras! Sou Ricardo Accioly Filho, pernambucano de 27 anos, advogado e estudante de jornalismo pela Uninassau. Tenho como mote que “no futebol, nunca serão apenas 11 contra 11”; é arte, é espetáculo, humanismo, tem poder de mover multidões e permitir ascensões sociais. Como paixão nacional do brasileiro, o futebol me acompanha desde cedo, entretanto como nunca tive habilidade para praticá-lo, busquei associar duas vertentes de minha vida: o prazer pela leitura e o esporte bretão. Foi nesse diapasão que encontrei no jornalismo esportivo o elo de ligação que me leva a difundir e informar o que, nas palavras de Steven Spielberg, é o “mais belo espetáculo de imagens que já vi”."

Artigos Relacionados