Neste meio de semana, entre segunda-feira (17) e quarta-feira (19) ocorreram os jogos de volta das quartas de final da Liga dos Campeões da Ásia e com boa participação de brasileiros. Serginho, do Kashima Antlers, e Adriano Michael Jackson, do Jeonbuk Motors, marcaram, mas somente o time do primeiro deles está na próxima fase.

AFC Champions League – Semifinalistas

Na manhã de segunda-feira, os iranianos do Persepolis eliminaram os catarianos do Al-Duhail por 3 x 1 jogo de ida.

Na terça-feira, os chineses do Tianjin Quanjian, time do brazuca Alexandre Pato, tinham a difícil missão de reverter um tomaram 3 x 0 e o brasileiro Serginho, ex-América-MG abriu o caminho para a goleada.

Na quarta-feira aconteceu o último jogo. Derby sul-coreano. O Suwon Bluewings havia vencido o Jeonbuk Motors, fora de casa, por 3 x 0, com o brasileiro Adriano Michael Jackson, ex-Palmeiras, aquele que fez o atual técnico alviverde, Felipão, pagar um churrasco para ele se fizesse três gols num mesmo jogo pela Copa do Brasil e o matador fez quatro gols, foi figura chave na vitória. Primeiro porque abriu o placar. Depois, por sofrer um pênaltis nos acréscimos do segundo tempo.

O próprio jogador foi para a cobrança e o som da torcida gritando não foi pelo gol, e sim porque o goleiro Shin Hwa-Yong pegou a cobrança, lembrando que o jogo era na casa do time que estava sendo derrotado. Um detalhe interessante é que Adriano cobra o pênalti de um lado e, para tentar ludibriar o goleiro, olha para o outro, no estilo Ronaldinho Gaúcho, mas não dá muito certo. O duelo foi para os pênaltis e o Jeonbuk, seu time, foi eliminado.

https://twitter.com/TheAFCCL/status/1042407086229843968

Os duelos das semifinais ficam: Al-Sadd, do Qatar, contra Persepolis, do Irã, com o primeiro duelo em Doha, dia 2 de outubro e Kashima Antlers, do Japão, contra Suwon Bluewings, da Coreia do Sul, com o primeiro jogo em Kashima.

Eric Filardi
Quando pequeno quis ser jogador. O sonho de criança passou. Uma vida nova se anseia. Bem-vindo ao melhor site de futebol. Bem-vindo ao Futebol na Veia. Sou Eric Filardi, paulistano de 27 anos, criado em Taboão da Serra, jornalista pós-graduado em Jornalismo Esportivo e apaixonado por futebol. Como todo jornalista amo escrever. Como todo brasileiro amo futebol. Tenho meu clube e minhas preferências, mas viso o profissionalismo e a imparcialidade, sem deixar de lado a criatividade. Sou Tricolor, Peixe, Palestra e Timão. Sou da Colina, Glorioso, Flu e Mengão. Sou brasileiro, hermano, francês e italiano. Sou Ghiggia, Paolo Rossi, Caniggia e Zidane. Sou Alemanha dos 7 x 1, mas que o povo não se engane. Também sou Ronaldo, Romário, Zico, Garrincha e Pelé. Sou Bundesliga, MLS, Eredivisie e Premier. Sou das várzeas e dos terrões. Sou Clássico das Multidões. Sou Sul, Nordeste, Amazônia e Pantanal. Sou Galo, Raposa, Bavi e Grenal. Sou Ásia e África. Sou Barça e Real. Sou as Américas, a Europa, sou o mundo em geral. Sou a festa nas arquibancadas que o estádio incendeia: sou Futebol na Veia.
https://bit.ly/EricFilardi

Artigos Relacionados