Cuiabá e Vila Nova se enfrentam neste sábado (30). A partida será às 16h30 (horário de Brasília) pela 38ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B de 2019. O encontro terá como cenário a Arena Pantanal, em Cuiabá. Com cara de amistoso, o time goiano espera ao menos sair da lanterna na última rodada do campeonato. A partida marcará a saída do técnico e de vários jogadores do elenco.

CUIABÁ

Após marcar um gol no final, levar a decisão para os pênaltis e conquistar o bicampeonato da Copa Verde, o  Dourado entra em campo e espera um jogo mais tranquilo, como foi o último. Com o título, o Cuiabá conquista a vaga direta nas oitavas de final da Copa do Brasil de 2020. Hoje, o time está com 52 pontos e na oitava posição.

https://twitter.com/CuiabaEC/status/1200736162379382784?s=20

VILA NOVA

Já rebaixado, o Tigre pode apenas melhorar sua posição. O time colorado tem os mesmos 36 pontos de São Bento, Criciúma e Londrina, que também jogarão a Série C em 2020. Ao longo da semana, a diretoria já começou a reformular o elenco para o ano que vem. Em suma, o processo começa com a saída de vários jogadores: como o goleiro Rafael Santos, embora ainda tinha contrato para o ano que vem. Em síntese, ele e mais 10 já deixaram o Vila.

RETROSPECTO

Enfim, nas quatro partidas anteriores disputadas entre as equipes, houveram dois empates. Nos demais jogos, o Vila Nova saiu vencedor nas outras duas partidas, enquanto o Cuiabá não ganhou nenhuma. Na história deste confronto, teve cinco gols marcados pelo Vila e apenas dois para o Dourado.

APOSTA INDICADA

Em conclusão, jogo que não vale nada em matéria de classificação, apenas para o Vila tentar deixar a lanterna da competição. Definitivamente, o Cuiabá que fez uma campanha razoável como mandante, deve aproveitar para agradecer a torcida pela boa temporada ao menos em oitavo lugar. Sendo assim, o site Rivalo paga 1,50 pela conquista dos mandantes.

ODDS: 1 (6,00).

 

Rhaíssa Oliveira
Mineira, 30 anos, jornalista em formação e apaixonada por esportes, sobretudo amante do futebol. Resolvi fazer da minha paixão pelo esporte a minha profissão. Ouço muito que arquibancada e futebol não são coisas de mulher, e é por isso que vou descer da arquibancada e cobrir os jogos de dentro do campo!

Artigos Relacionados