O estádio Lanchão tem um confronto cheio de expectativa nesta sexta feira (11) às 18h (horário de Brasília). De um lado, um time cheio de história e considerado grande no seu estado com um bom histórico de revelações  e do outro, um clube de apenas 18 anos que espera começar o ano fazendo história. Apesar de ter passado em segundo, o América é favorito, mas o Cuiabá promete surpreender ainda mais.

CUIABÁ

A equipe vem com a confiança de estar invicta e ter batido o grande Botafogo na fase de grupos. Keslley é o grande nome do time, o camisa 10 é o destaque de um time que quer surpreender mais um clube bem conhecido nacionalmente. Os dois ainda vão se enfrentar pelo profissional esse ano pela Série B, e o Cuiabá espera se dar bem nesse confronto pelas categorias de base. A comissão técnica espera não precisar de pênaltis para se classificar pois acha o nível de tensão muito altos para seus atletas e acha que pode interferir ainda mais no resultado da parida.

Provável escalação: João Pantaneiro; Heric, Raphael, Wilian Barão, Pierini e Gabriel Neves; Niccolas, Guilherme, Keslley e Max; Filipinho. Técnico: Eduardo Henrique.

América-MG

O time americano se classificou em segundo lugar do grupo 10, com seis pontos conquistados, melhor que os cinco de seu adversário pelo grupo 9. A equipe foi crescendo pela competição e conseguiu passar pelo saldo de gols, o técnico Paulo Ricardo crê que seja um reflexo do desempenho na competição. Assim, achando um bom equilíbrio entre defesa e ataque. Isso aumenta a confiança de seus jogadores que entram mais animados para esse mata-mata. O treinador enfatizou as dificuldades da equipe, mas também disse sobre o seu desenvolvimento:

“Nesta sexta, começa a segunda fase da Copa São Paulo. O time teve um pouco de dificuldade na primeira fase, mas conseguiu mostrar qualidade e determinação para superar as adversidades. Acredito que isso pode fazer diferença a nosso favor agora”, disse o treinador.

http://twitter.com/AmericaMG/status/1083469985316515845

Provável escalação: Elzo; Ronaldo, Luisão, Sabino e Lucas Luan (Theo); Flávio, João Gabriel e Matheus Peres; Roni, Guilherme e Pedro. Técnico: Paulo Ricardo.

RETROSPECTO

Este confronto entre as duas equipes  é inédito. A equipe mandante chegou até aqui após conseguir empatar com a Francana, ganhar do Botafogo e novamente empatar contra o Horizonte. Do outro lado, o Coelho vem de uma derrota na estreia da competição, mas logo após se recuperou e teve duas vitórias consecutivas.

Guilherme Ribeiro
Sou Guilherme Ribeiro, 20, paulista da região do ABC. Ler e escrever é um hobby, para o esporte que é a minha paixão.

Artigos Relacionados