cucabol (reprodução/Marcello Zambrana/AGIF)

O treinador do Santos, Cuca, recebeu alta na manhã desta segunda-feira (16) do hospital Sírio Libanês, em São Paulo. Alexi Stival estava internado desde o dia 7 de novembro, quando foi diagnosticado com a Covid-19. Por ter problemas cardíacos, inclusive tendo passado por cirurgias em um passado recente, a equipe médica do Santos achou melhor que o treinador fosse internado para o acompanhamento da doença.

Durante a sua estadia no hospital, o treinador não comandou a equipe por dois jogos – sendo um empate contra o Red Bull Bragantino e a vitória contra o Internacional -. Segundo Marcelo Fernandes, membro da comissão técnica permanente do Peixe e treinador da equipe na última partida, Cuca não participou das atividades de forma remota na semana em que esteve internado.

De acordo com o boletim médico, divulgado pela manhã, o treinador deverá cumprir mais 10 dias de repouso em casa, permanecendo afastado de todas as atividades durante esse período. Com isso, o Santos não poderá contar com o seu comandante por pelo menos nas próximas duas partidas. O Peixe enfrenta o Athletico Paranaense, pelo Brasileirão, e a LDU, pelas oitavas de final da Copa Libertadores. Marcelo Fernandes deve seguir como o treinador da equipe nas próximas partidas.

SURTO DA DOENÇA

O Santos passa por um surto da doença. Mais de 10 jogadores do masculino, além de quase toda a comissão técnica, estão afastados e isolados em suas residências. No futebol feminino o caso é ainda mais grave. Assim, são 14 jogadoras com a doença, além de membros da comissão técnica. As Sereias da Vila já perderam de WO a última partida, contra o São José, pela última rodada da fase de grupos do Campeonato Paulista. Além disso, ainda não sabe se terá condições de enfrentar o Corinthians, pelas oitavas de final da competição.

Dessa forma, Santos deve voltar a campo no próximo sábado (21), diante do Athletico, pela 22ª rodada do Campeonato Brasileiro. Assim, a equipe fez o pedido de adiamento da partida, devido o confronto contra a LDU, em Quito, na terça-feira (24). No entanto, a CBF ainda não respondeu sobre a equipe paulista.

Foto destaque: Divulgação/Santos FC

Yan Arvani
Formado em Jornalismo pela UNIP, em seus 22 anos de vida sempre esteve ligado ao futebol, seja assistindo com o vô todos os jogos que passam na TV (como faz até hoje) ou indo aos estádios, o futebol corre em sua veia. Apaixonado pelo rádio e pela escrita, está sempre em busca de conhecer ainda mais sobre esse esporte fascinante.

Artigos Relacionados