Cruzeiro: Ronaldo expõe situação financeira

Quase 28 após deixar Belo Horizonte, Ronaldo Nazário de Lima está de volta. Desta vez, para ajudar o Cruzeiro a se reerguer novamente, e voltar ao topo. Para o atual “dono” de 90% da SAF, entretanto, o clube se encontra em um cenário totalmente diferente de quando o deixou. Ainda assim, ele não pensa em desistir e pretende reverter esta situação.

O ‘Fenômeno‘ se aposentou do futebol profissional em 2011, quando atuava pelo Corinthians. Foram anos e anos, e muitas alegrias para uma nação. A torcida do Cruzeiro deseja sentir novamente essas emoções, mas desta vez, não terá Ronaldo em campo. O ex-jogador, por sua vez, retornou ao Brasil e comprou 90% dos direitos da equipe mineira. Dessa maneira, sendo considerado, praticamente, “um dono”.

Nesta terça-feira (11), o dirigente, se assim possamos dizer, conversou pela primeira vez com a imprensa, no CT da Raposa. Ronaldo, a princípio, recebeu vários questionamentos sobre o momento financeiro do clube. Ressaltou, no entanto, que vai tentar reverter esta situação.

Qual a sensação de retornar ao Cruzeiro?

“É uma honra depois de tantos anos estar voltando a Belo Horizonte, ao Cruzeiro”

Por que o Fábio não permaneceu?

“Fábio foi e vai ser sempre um ídolo pro Cruzeiro e pra torcida cruzeirense. Nós, diante do cenário atual, fizemos um esforço muito grande para oferecer uma proposta decente a ele, respeitando a sua história no clube, a sua trajetória. E, infelizmente, durante a negociação, houve uma negativa por parte dele, o que também nos pegou de surpresa. Mas entendemos que todo o sacrifício que deveríamos ter feito, foi feito. E temos que virar a página, seguir adiante”

Como está as dívidas do Cruzeiro?

“Infelizmente o cenário hoje é bem complicado, com receitas até o próximos dois anos já antecipadas, inclusive já gastas. Nós encontramos um cenário realmente trágico no clube, mas temos que estancar o sangramento.

Diria que o Cruzeiro é um paciente em estado grave, na UTI, e nós estamos oferecendo o tratamento necessário para que ele saia dessa condição. Que possamos fazer o máximo pra que seja o clube grande que merece ser”

Pensa em desistir?

“Tecnicamente, sim. No contrato, há essa saída. Mas está longe da minha cabeça, do meu pensamento desistir do projeto. No momento estamos no processo de análise do clube, entender o tamanho do buraco, o tamanho da dívida, entender os credores.

Meu desejo é continuar e ficar aqui até fazer com que o clube volte a ser grande como era antes”

Foto destaque: Reprodução / Cruzeiro

André Merice
Sou somente mais um louco apaixonado por futebol! 

Deixe um comentário