Coritiba

O Coritiba corre sério risco de não ter o técnico Gustavo Morínigo no duelo contra o Vasco. Sem estar regularizado no Boletim Informativo Diário da CBF, popularmente conhecido como BID, o profissional não pode participar do duelo da beira do gramado. Todavia, ainda há a esperança de que a regularização ocorra até a tarde desta sexta-feira (15).

Havia uma expectativa de que Morínigo já seria inscrito de imediato após o jogo contra o Athletico. Entretanto, o processo acabou se estendendo mais do que o previsto e ainda há a incerteza de quem será o treinador no duelo . Caso não esteja disponível, o auxiliar Júlio Sérgio volta a comandar o time, tal como ocorreu no clássico.

Quando chegou ao time , o Coritiba já tratou de enviar os documentos necessários a CBF para o treinador pudesse estar a disposição o mais rápido possível. Sem a regularização, o paraguaio acompanhou das arquibancadas do Couto Pereira a derrota para o Goiás (2 x 1) e o empate diante do Athletico (0 x 0). Com atenção, o treinador passou a grande parte das partidas fazendo anotações e observando cuidadosamente o time.

O Alviverde encara o Vasco às 21 horas de sábado em São Januário, em duelo é válido pela 30ª rodada do Brasileirão. Todavia, sabe-se que a situação é muito difícil. Portanto, a vitória é essencial, já que especialistas apontam que o Coxa tem 98% de chances de não permanecer na Série A. Mas ainda há esperança.

Foto destaque: Reprodução/Coritiba

Lucca Smarrito
Desde pequeno sou apaixonado por esportes, principalmente futebol. Decidi fazer Jornalismo justamente porque amo escrever e trabalhar nesta área, principalmente a qual eu sonho, seria fantástico. Já participei da cobertura de um jogo da Suburbana de Curitiba em 2019 como comentarista, através de um projeto ofertado pela Universidade, além de ter escrito artigos de opinião e participado dos programas esportivos de rádio do curso. Também tenho uma página no Instagram não oficial sobre meu time. Acredito fielmente na importância do mesmo como um instrumento de inclusão social e fortalecimento de laços dentro da nossa sociedade, bem como a formação do caráter de um ser humano e sua capacidade de apaixonar e socializar. Sou estudante do segundo ano de Jornalismo da PUC-PR e tenho o objetivo e é claro, o sonho, de cobrir grandes eventos do mundo esportivo, tais como a Copa do Mundo e os Jogos Olímpicos. Sou uma pessoa extremamente dedicada e estou sempre interessado em aprender coisas novas, para adquirir o máximo de conhecimento possível nesta profissão tão incrível como o Jornalismo.

Artigos Relacionados