Corinthians X Futebol Chinês – Será Elias o próximo?

Mais uma vez, a China vira adversária do Corinthians. Depois de levar o meio campo Jadson para o Tianjin Quanjian (time da segunda divisão e que tem Wanderlei Luxemburgo como técnico) e sondar o atacante Vágner Love, os chineses têm um novo alvo: Elias.

De acordo com a ESPN e o Globoesporte.com, os representantes do Hebei China Fortune, time recém-promovido para a primeira divisão, já teriam conversado com o staff do jogador e oferecido um salário astronômico, que gira em torno de R$1,5 milhão por mês.

Contudo, segundo o superintendente de futebol do Timão, Andrés Sanchez, o clube não foi procurado para negociar, mas admitiu preocupação com a falta de competitividade com o mercado chinês.

“O Corinthians não precisa e não tem a intenção de vender ninguém nesse momento, não chegou nenhuma proposta pelo Elias. Porém, quando os clubes chineses querem um jogador, os valores pagos aos atletas são tão fora do normal, que o jogador pensa em sua independência financeira e aí não dá para segurar”, enfatizou o ex-presidente.

O “lado bom” para os alvinegros é que Elias tem contrato até dezembro de 2017, o que deixa a multa rescisória alta e uma boa compensação financeira para o clube. Lembrando que o Timão ainda precisa pagar dois milhões de euros ao Sporting-POR, por isso, se o volante sair, o valor deve ser superior a essa dívida.

Avatar

Sobre Gabriel Tampelini Cruz

Gabriel Tampelini Cruz já escreveu 6 posts nesse site..

19 anos, estudante de jornalismo da Universidade Presbiteriana Mackenzie.Como a maioria dos meninos, queria ser jogador de futebol, mas como percebeu que não tinha habilidade necessária para isso, contentou-se em comentar os jogos em vários aspectos. Apreciador da comunicação, gosta muito de falar, escrever e ler sobre os esportes, principalmente sobre o futebol, uma de suas maiores paixões.Está no começo de sua sonhada carreira de jornalista esportivo. Sabe que até lá, várias coisas podem acontecer, pensamentos e opiniões podem mudar e o caminho pode ser tortuoso. Mas uma coisa é certa: o esporte (e o futebol, em especial) nunca vai sair de sua vida.

BetWarrior


Poliesportiva


Avatar
Gabriel Tampelini Cruz
19 anos, estudante de jornalismo da Universidade Presbiteriana Mackenzie.Como a maioria dos meninos, queria ser jogador de futebol, mas como percebeu que não tinha habilidade necessária para isso, contentou-se em comentar os jogos em vários aspectos. Apreciador da comunicação, gosta muito de falar, escrever e ler sobre os esportes, principalmente sobre o futebol, uma de suas maiores paixões.Está no começo de sua sonhada carreira de jornalista esportivo. Sabe que até lá, várias coisas podem acontecer, pensamentos e opiniões podem mudar e o caminho pode ser tortuoso. Mas uma coisa é certa: o esporte (e o futebol, em especial) nunca vai sair de sua vida.

    Artigos Relacionados

    Comments are closed.

    Topo