Após polêmicas, Jô rescinde com o Corinthians

O centroavante está fora do Corinthians. Clube e atacante acertaram nesta quinta-feira (8) a rescisão de contrato de forma amigável após o jogador ser visto tocando pagode em um bar de São Paulo na terça-feira (7) e faltar ao treinamento no dia seguinte.

O centroavante de 35 anos tinha contrato até o fim de 2023, mas abriu mão de todo o dinheiro que teria de receber no restante de seu contrato (18 meses). O jogador, agora, está liberado para procurar outro clube.

Nesta temporada, participou de 19 jogos e marcou quatro gols. O centroavante não esteve em Cuiabá por conta do trauma no pé que o tirou dos últimos três jogos. A lesão aconteceu no empate por 1 x 1 com o Always Ready, no dia 26 de maio. Desde então, perdeu as partidas contra América-MG (casa), Atlético-GO (fora) e Cuiabá (fora).

A falta ao treino não foi um erro isolado. Em março, o jogador se ausentou de dois treinamentos após viajar para curtir seu aniversário. A diretoria e o próprio técnico português disseram que não perdoariam uma nova falha do jogador, que já vinha de outros problemas extracampo em 2021.

Sem ele, o Corinthians conta com Júnior Moraes e Róger Guedes para a função de centroavante e com garotos da base, como Giovane e Felipe Augusto. Ainda assim, segundo informações de dentro do clube, Vitor Pereira teria indicado um nome, que é mantido em sigilo pela diretoria.

Foto destaque: Divulgação / Rodrigo Coca / SC Corinthians Paulista

André Merice
A sensação de poder transmitir uma sentimento à cada leitor é o que me move. Ainda assim, sou somente mais louco apaixonado por futebol, que fez da escrita e do esporte a sua vida!